Seleção masculina de vôlei supera Sérvia e conquista torneio amistoso na Polônia


No terceiro e último teste antes do Pré-Olímpico, a seleção brasileira masculina de vôlei derrotou a Sérvia neste sábado por 3 sets a 0, com parciais de 25/22, 25/20 e 25/14, em Cracóvia, na casa da Polônia, atual campeã mundial. O resultado garantiu ao Brasil o título do torneio amistoso Memorial Wagner.

O time comandado pelo técnico Renan Dal Zotto encerrou sua participação no torneio amistoso com 100% de aproveitamento já que, além da Sérvia, também havia vencido a Finlândia na estreia, por 3 a 0, e a anfitriã Polônia na sequência, por 3 a 1.

Este evento em solo polonês serve para o Brasil realizar os últimos ajustes antes do Pré-Olímpico que ocorrerá na próxima semana, entre os dias 9 e 11, em Varna, na Bulgária. A seleção terá pela frente Porto Rico, Egito e os donos da casa no torneio, que dará ao líder do quadrangular disputado entre estas equipes uma vaga nos Jogos de Tóquio-2020. A estreia contra os porto-riquenhos será na próxima sexta-feira, às 11 horas (de Brasília).

O Brasil subiu ao degrau mais alto do pódio e ainda contou com destaques individuais. Fizeram parte da seleção do torneio o ponteiro Leal, que foi eleito melhor jogador da competição, o ponteiro Maurício Borges, escolhido com o melhor passe, e o oposto Wallace, dono do melhor saque do quadrangular disputado na Polônia.

“Acredito que foi um torneio importante para o nosso time. Chegamos aqui com a meta de fazer mais uma preparação para o Pré-Olímpico e tivemos um bom resultado. Estamos felizes pelo nível de jogo que apresentamos aqui e esperamos seguir assim na próxima semana”, afirmou Leal, que é cubano e se naturalizou brasileiro depois de se destacar no Cruzeiro.

O técnico Renan também ficou satisfeito com o desempenho de seus comandados na competição amistosa. “Foi uma grande chance. Esses três jogos nos valeram muito e certamente nos deram uma condição ainda melhor de chegar à Bulgária para o mais importante desafio deste ano de 2019, que é classificar o Brasil para os Jogos de Tóquio”, destacou.

A seleção brasileira disputou o Memorial Wagner e estará no Pré-Olímpico com os levantadores Bruninho e Fernando Cachopa; os opostos Wallace e Alan; os centrais Lucão, Maurício Souza, Flávio e Isac; os ponteiros Leal, Lucarelli, Douglas e Maurício Borges, e os líberos Thales e Maique.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora