Prioridade é recuperar as praças esportivas, diz secretário

Trabalho deve começar na próxima semana, com prioridade para a Praça de Esportes Gilberto Antônio Cremasco, na Vila Jones


Foto: Marcelo Rocha - O Liberal.JPG
Paraná espera poder descentralizar o esporte no município, levando a prática aos bairros

A recuperação das praças esportivas de Americana é o primeiro foco do secretário municipal de Esportes, Lazer e Juventude, Eudaldo Cardoso, o Paraná. Ele disse que o trabalho vai começar na próxima semana, com prioridade para a Praça de Esportes Gilberto Antônio Cremasco, na Vila Jones.

Paraná, que assumiu o cargo na última segunda-feira, falou sobre o assunto nesta sexta, durante participação ao vivo no programa Caderno de Esportes, transmitido pelas rádios VOCÊ (AM 580) e 94.7 FM.

Segundo ele, a unidade da Vila Jones está com problema de iluminação, bancos quebrados e falhas no alambrado. O secretário afirmou que também há a necessidade de limpeza e capinação do local. “Com certeza, é a praça em que a gente resolveu dar o pontapé inicial”, comentou.

Paraná apontou que pretende fazer uma força tarefa nos centros esportivos americanenses. De acordo com ele, existem casos que são considerados como de urgência. “A gente tem de dar atenção especial, até por questão de segurança. Tem criança, o mato traz animais peçonhentos, que podem trazer algum dano”, explicou.

O secretário afirmou que, para a realização desses serviços, deve receber apoio de outras pastas da prefeitura. “Os secretários de outras pastas, como Secretaria de Obras e Secretaria de Meio Ambiente, estão empenhados em nos ajudar nessa força tarefa, porque tudo tem de ser muito rápido”, declarou.

Ele tem feito uma inspeção nas praças esportivas da cidade. Nesta primeira semana como secretário, Paraná visitou as unidades dos bairros Jardim São Pedro, Nova Americana, Jardim Ipiranga, São Vito e Vila Jones.

“Eu estou muito otimista. Quando cheguei à secretaria, fui muito bem recebido pelos funcionários que lá estão. Todos nós sabemos que temos ali bons profissionais, profissionais com vontade de trabalhar”, contou.

SOCIAL. Paraná destacou que também quer levar esporte para as periferias. “Pretendo descentralizar o esporte, levar para os bairros e para a população menos favorecida, fazer essa integração. Sabemos que hoje é muito difícil para uma criança, que está na periferia, vir até o Centro Cívico”, finalizou.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora