Peterhansel vence etapa, mas Sainz lidera Rally Dakar; Alonso mantém reação


Em sua quarta etapa nesta edição, o Rally Dakar conheceu nesta quarta-feira o seu quarto vencedor nos carros, a principal categoria da competição, que está sendo disputada na Arábia Saudita neste ano. O francês Stéphane Peterhansel chegou na frente, mas o espanhol Carlos Sainz (pai do piloto Carlos Sainz Jr., da Fórmula 1) segue na liderança geral.

Um dos pilotos de rali mais experientes do mundo, Peterhansel tem no currículo nada menos que 13 títulos do Dakar, em diferentes categorias. Nesta quarta, ele completou o trajeto de 453 quilômetros, entre Neom e Al-‘Ula, em 4h04min34s. O catariano Nasser Al-Attiyah ficou em segundo lugar, a 2min26s do primeiro colocado.

Líder geral da prova, Carlos Sainz foi o terceiro na etapa desta quarta, a 7min18s. Fernando Alonso, que tem o apoio do experiente copiloto Marc Coma, também da Espanha, terminou em 13º lugar. Com o resultado, o bicampeão mundial de F-1 manteve sua reação na competição, após ter problemas na segunda-feira. Subiu do 32º para o 20º lugar geral.

Dono de dois títulos no Dakar, Sainz segue na ponta, embora com menor vantagem, com tempo total de 15h12min12s. Al-Attiyah ocupa a segunda posição geral, a 3min03s do líder, enquanto Peterhansel está em terceiro.

BRASILEIROS – Antonio Lincoln Berrocal caiu de rendimento nesta quarta e terminou a quarta etapa das motos apenas na 81ª posição. Assim, caiu na classificação geral, para o 75º posto. O norte-americano Ricky Brabec segue na ponta, seguido pelo argentino Kevin Benavides. Vencedor da etapa, o chileno Jose Ignacio Cornejo ocupa o terceiro lugar geral.

Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin terminaram a etapa dos UTVs (carro parecido com uma “gaiola”) no 14º posto. No geral, estão em 16º.

Nas demais categorias, o chileno Ignacio Casale segue dominando nos quadriciclos. Atual bicampeão, venceu a etapa desta quarta e sustentou a liderança geral. Nos caminhões, o russo Andrey Karginov manteve a primeira colocação, apesar de chegar em segundo lugar na etapa do dia. O vencedor foi o também russo Anton Shibalov.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora