Em dia com só uma regata, Martine e Kahena caem para sétimo no Mundial


Por conta das condições climáticas, só uma regata masculina e uma feminina foram realizadas nesta terça-feira, no segundo dia do Mundial de 49er, que está sendo realizado em Buenos Aires. Atuais campeãs na 49erFX, Martine Grael e Kahena Kunze caíram para o sétimo lugar depois de fecharem a segunda-feira em quinto.

As brasileiras ficaram no 14.º lugar na única regata do dia – outras duas foram adiadas. O resultado, o pior delas nas cinco regatas já realizadas, foi descartado. Assim, Martine e Kahena agora têm 20 pontos perdidos. A liderança segue com as dinamarquesas Ida Marie Nielsen e Marie Olsen, que chegaram em 10.º e têm oito pontos perdidos.

A sorte da família Grael estava toda com Marco, irmão de Martine, que ao lado de Gabriel Borges ficou em segundo na única regata do dia na 49er. Após quatro regatas, Marco/Gabriel têm 30 pontos perdidos, em 21.º lugar. Dante Bianchi/Thomas Low-Beer também foi bem, chegando em terceiro, e pulou para a 26.ª posição, com 34 pontos.

Os dois barcos brasileiros competem entre si. Marco/Gabriel levou a melhor no Sul-Americano e, se chegar na frente também no Mundial, fica com a vaga nos Jogos Olímpicos do Rio.
Dante e Thomas só asseguram a vaga olímpica se terminarem entre os 15 primeiros, com uma posição duas vezes melhor do que dos rivais. Se chegarem à frente com menos margem, a disputa fica empatada e será definida na Copa Brasil de Vela, no mês que vem.

A programação do Mundial previa para quarta-feira três regatas no masculino e três no feminino para encerrar a primeira fase com 10 regatas em cada classe. O site da competição não informa qual o novo cronograma, uma vez que só quatro regatas masculinas e cinco femininas foram disputadas até aqui.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora