Ana Sátila e Pepê garantem dois ouros para o Brasil na canoagem slalom do Pan


Ana Sátila e Pepê Gonçalves conquistaram neste domingo a medalha de ouro na canoagem slalom nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru. A primeira brilhou no C1 e venceu com folga a final. Já Pepê foi campeão no K1 em uma disputa acirrada. Além deles, Felipe Borges foi bronze no C1. Já Omira Estácia chegou em segundo lugar, mas recebeu uma punição polêmica e perdeu a medalha.

“A cada segundo eu tinha de manter o que estava combinado, qualquer descuido e qualquer deslize, tocar uma pedra, perder o remo, poderia tomar uma penalidade muito grande. E o desafio desde o início era manter o plano. Felizmente eu consegui fazer um descida muito boa e sem penalidade”, festejou Ana Sátila.

Ela comentou que o Pan é muito diferente de qualquer competição. “Competi o Mundial há duas semanas e não senti a pressão que senti aqui representando meu País. Para mim foi mais um grande desafio. Tentei fazer o meu melhor, mantive o plano para assegurar a medalha de ouro e estou muito contente com meu resultado”, explicou.

Ana Sátila afirmou que a maior dificuldade dos canoístas nesse Pan era o percurso do rio Cañete, em Lunahuaná. Segundo a atleta, o trajeto raso era motivo de preocupação dos competidores, que tinham de tomar cuidado para não tocar em pedras e até perder o remo por causa disso. “Qualquer deslize, se afundasse alguns centímetros a mais, poderia bater na pedra”.

Quem também ficou feliz da vida com seu resultado foi Pepê Gonçalves, que chorou ao falar da medalha de ouro. “Quatro anos atrás me deram uma penalidade que não tive e perdi a medalha de ouro para o americano. Agora, honrei o favoritismo e saio daqui com o ouro. Lembro de tudo que passei para chegar até aqui, nenhum esporte é fácil. Venho de dois anos não tão bons, mas agora estou conseguindo me reencontrar”, disse.

No C1 masculino, Felipe Borges chegou na terceira posição, em um duelo bastante apertado e de diferença mínima, e ficou com o bronze. Já Omira Estácia, irmã de Ana Sátila, chegou na segunda posição, mas um dos juízes anotou uma penalidade de 50 pontos para ela. Seu técnico protestou, pois outros dois juízes nada marcaram, mas não deu certo e ela acabou ficando em sexto lugar.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora