13 de julho de 2024 Atualizado 11:57

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Jorge Martín supera pressão da Trachouse e conquista a pole da Etapa da Alemanha de MotoGP

Por Agência Estado

06 de julho de 2024, às 10h41

Em um treino classificatório marcado pela queda de Maverick Viñales, Jorge Martín assegurou a pole para a Etapa da Alemanha de MotoGP. O piloto da Pramac garantiu a posição nobre do grid com o tempo de 1min19s423, novo recorde do circuito. Miguel Oliveira e Raúl Fernandez, ambos da Trackrouse, completam a primeira fila.

Francesco Bagnaia não conseguiu repetir o desempenho das últimas etapas e sai na segunda fila, na quarta posição. Alex Marquez e Franco Morbidelli largam em quinto e sexto lugar respectivamente.

Esta foi a quarta pole de Jorge Martín na temporada. Satisfeito com o resultado, ele comentou sobre os problemas que teve e festejou o primeiro lugar no grid. Apesar da vantagem, o espanhol espera uma prova bastante disputada.

“Muito feliz. É sempre uma vantagem estar na pole. Mas vejo uma prova bastante concorrida. Eu tive problemas com os pneus, as motos da Aprilia estão muito fortes e espero poder brigar pela vitória”, comentou Martín.

No treino, Maverick Viñales sofreu uma queda forte durante a disputa. Após ir ao chão, o piloto teve um pouco de dificuldades para andar já na área de escape e recebeu atendimento médico do estafe da corrida. No grid, ele sai na sétima posição.

A surpresa no classificatório da manhã deste sábado foi o desempenho abaixo do esperado de Marc Márquez. O piloto espanhol teve dificuldades durante a atividade, não conseguiu passar do Q1, e ficou com a 13ª posição com o tempo de 1min20s263.

Os pilotos voltam à pista neste sábado, às 10h, pelo horário de Brasília, para a corrida sprint da etapa da Alemanha.

Confira o grid de largada para a Etapa da Alemanha:

1º – Jorge Martin (ESP/Pramac), em 1min19s423
2.º – Miguel Oliveira (POR/Trackhouse), em 1min19s471
3.º – Raúl Fernández (ESP/Trackhouse), em 1min19s643
4º – Francesco Bagnaia (ITA/Ducati), em 1min19s749
5º – Alex Marquez (ESP/Gresini), em 1min19s791
6º – Franco Morbidelli (ITA/Yamaha), em 1min19s946
7º – Maverick Viñales (ESP/Aprilia), em 1min19s950
8º – Fabio Di Gianantonio (ITA/Gresini), em 1min19s957
9º – Enea Bastianini (ITA/Ducati), em 1min19s978
10º – Pedro Acosta (ESP/Tech3), em 1min20s348
11º – Brad Binder (AFS/KTM), em 1min20s446
12º – Marco Bezzecchi (ITA/VR46), em 1min20s713
13º – Marc Marquez (ESP/Hondai), em 1min20s263
14º – Fabio Quartararo (FRA/Yamaha), em 1min20s310
15º – Augusto Fernández (ESP/KTN), em 1min20s419
16º – Jack Miller (AUS/KTM), em 1min20s515
17º – Takaaki Nakagami (JAP/LCR Honda), em 1min20s553
18º – Luca Marini (ITA/VR46), em 1min20s565
19º – Johann Zarco (FRA/Pramac), em 1min20s799
20º – Joan Mir (ESP/Repsol Honda), em 1min21s162
21º – Stefan Brandl (ALE/Honda), em 1min21s270
22º – Remy Gardner (AUS/Yamaha), em 1min21s297

Publicidade