18 de outubro de 2021 Atualizado 22:30

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Hernán Crespo se despede do São Paulo e deseja sorte a Ceni: ‘Saio tranquilo’

Por Agência Estado

14 out 2021 às 15:00 • Última atualização 14 out 2021 às 17:09

Um dia depois de deixar o comando do São Paulo em comum acordo, o técnico argentino Hernán Crespo se pronunciou nas redes sociais para se despedir do clube e de seus torcedores. Em um texto publicado em sua conta oficial no Instagram, nesta quinta, o treinador agradeceu a oportunidade de ter trabalhado no time tricolor, onde conquistou o título do Campeonato Paulista neste ano, que acabou com um jejum de quase nove anos.

“Hoje me despeço do São Paulo agradecendo a toda família são-paulina por todo carinho e apoio neste tempo juntos. Encerra-se uma etapa de muito trabalho, com responsabilidade, compromisso e esforço, tentamos aplicar nossa ideia e proposta de jogo. Saio com a tranquilidade de termos dado sempre o melhor de cada um. Quero agradecer aos jogadores por sua entrega e compromisso”, escreveu Hernán Crespo.

O treinador também aproveitou para desejar boa sorte para Rogério Ceni, que foi anunciado nesta quarta-feira como o novo treinador do São Paulo. E agradeceu a torcida do São Paulo.

“E a toda a torcida tricolor, 20 milhões de pessoas que sempre apoiaram, desde o primeiro dia, em todos os momentos, demonstrando grande carinho. Desejo o melhor ao Rogério em tudo o que vem pela frente. Um forte abraço e tudo de melhor para o São Paulo Futebol Clube”, comentou.

O argentino fez questão de agradecer também a diretoria são-paulina pela chance de trabalhar no Brasil e aos profissionais que trabalham diariamente no clube.

“Aos dirigentes, por terem me dado a chance de ser parte do São Paulo e de sua história, e pelo grande compromisso e carinho com que me acompanharam, estando sempre à disposição e trabalhando muito duro ao nosso lado. A todas as pessoas que trabalham no clube por nos atenderem e cuidarem de nós com muitíssimo carinho”, ressaltou.

Ao longo de oito meses de trabalho, Hernán Crespo comandou a equipe em 53 jogos com 24 vitórias, 19 empates e 10 derrotas – aproveitamento de 57,23% dos pontos disputados.

Publicidade