30 de setembro de 2020 Atualizado 14:48

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Esporte

Hamilton elogia Verstappen e valoriza ‘aprendizado’ após dificuldades com pneus

Por Agência Estado

09 ago 2020 às 15:32 • Última atualização 09 ago 2020 às 16:24

A surpreendente vitória de Max Verstappen no GP do 70º Aniversário da Fórmula 1, neste domingo, provocou decepção e críticas nos boxes da Mercedes. Os discursos do inglês Lewis Hamilton e do finlandês Valtteri Bottas, no entanto, tiveram tons bem diferentes.

Ainda líder do campeonato com 30 confortáveis pontos de vantagem, o hexacampeão comemorou a segunda colocação no pódio de Silverstone e disse que chegou até a se divertir na parte final da corrida.

“Ainda que não tenhamos alcançado o resultado que esperávamos, foi um desafio. Na verdade, eu realmente desfrutei da disputa na pista. O retorno na parte final foi divertido. Não foi o suficiente para deter Max, que fez um grande trabalho, mas sim para ganhar bons pontos. Muito aprendizado hoje”, avaliou Hamilton.

O inglês, que havia largado do segundo lugar no grid, precisou trocar os pneus faltando dez voltas para o fim, quando liderava a prova. Depois, ainda conseguiu se recuperar saindo da quarta posição para cruzar a linha de chegada em segundo, à frente de Bottas.

“Parabéns à Red Bull e ao Max. Eles não tiveram os problemas de bolhas nos pneus que nós tivemos. Foi inesperado ter um desgaste tão extremo como o que tivemos, mas certamente o time vai trabalhar nesses problemas. Eu estava pilotando com metade do pneu. Eu amo um desafio, então foi bom, mas foi inesperado”, declarou Hamilton após a corrida.

Bottas, por sua vez, não conseguiu esconder a irritação. O finlandês havia largado na pole position e teve de se contentar com a terceira colocação no pódio, resultado que lhe custou a vice-liderança na classificação geral do campeonato, agora ocupada por Verstappen.

“Acho que, como equipe, estávamos sonolentos em algum momento, enquanto Max conseguia nos ultrapassar. Há muitas lições a tirar desta corrida de hoje. Foi realmente muito frustrante ter largado da pole position e terminado em terceiro. Minha estratégia foi longe, longe da ideal”, lamentou o piloto da Mercedes.

Publicidade