Zidane esfria polêmica com Bale e confirma galês no Real; Vinicius Jr fica fora


Um dia antes de o Real Madrid enfrentar a Real Sociedad, em casa, no confronto em que defenderá a liderança do Campeonato Espanhol, Zinedine Zidane tratou de esfriar a polêmica na qual o astro Gareth Bale se envolveu nesta semana. O atacante foi alvo de muitas críticas da mídia espanhola ao comemorar no gramado a vaga de País de Gales na Eurocopa de 2020, na última terça-feira, em Cardiff, enquanto alguns companheiros da equipe nacional seguravam logo à frente dele uma bandeira que continha o seu nome e trazia a palavra Madrid destacada como terceira prioridade para ele, atrás da seleção galesa e do golfe, esporte que é admirado pelo jogador.

Nesta sexta-feira, porém, o treinador francês preferiu não polemizar ainda mais o assunto e confirmou Bale entre os relacionados para o duelo deste sábado, às 17 horas (de Brasília), no Santiago Bernabéu, pela 14ª rodada do Campeonato Espanhol.

“Considero que fazemos muitas coisas e muito ruído pelo assunto de Bale e o mais importante para mim como treinador e para ele como jogador é concentrarmos no futebol. Cada um opina e é uma coisa que é exagerada já. Vocês conhecem a situação, ele foi para a seleção, pôde jogar e agora está conosco. Já deu muito ao clube e eu vou focar somente o lado esportivo porque fora de campo há muitos comentários e eu não estou aqui para isso. Sei que (a polêmica) interessa a muita gente, mas a mim não”, afirmou Zidane, em entrevista coletiva.

Na bandeira exibida na última terça-feira na comemoração da seleção galesa, que assegurou vaga na Eurocopa ao vencer a Hungria por 2 a 0, foi colocada a seguinte frase: “País de Gales. Golfe. Madrid. Nessa ordem”. No caso, foi uma referência clara ao Real e a Bale, principal jogador da seleção do seu país, e a atitude polêmica não foi bem recebida por veículos da imprensa espanhola. O jornal esportivo Marca, por exemplo, estampou a seguinte manchete em sua primeira página na quinta-feira: “Desrespeitoso. Desorientado. Ingrato. Nessa ordem”.

Zidane, entretanto, preferiu exaltar nesta sexta os feitos conquistados por Bale com a camisa do Real e deixou claro que segue contando com o futebol do jogador. O ídolo francês, inclusive, lembrou da atuação decisiva do atleta na decisão da Liga dos Campeões no ano passado, quando marcou dois gols, sendo um deles com uma linda bicicleta, na vitória por 3 a 1 sobre o Liverpool, em Kiev, na Ucrânia.

Ao ser questionado em entrevista coletiva sobre o fato de Bale ter dito que se sente mais feliz atuando pela seleção galesa do que quando defende o clube espanhol, o comandante respondeu: “No gol da final da Liga dos Campeões eu o vi muito feliz, e ele o fez com o Madrid”. “O que posso dizer de Bale é que ele está disponível e por isso me alegro, pelo time. Sabemos o que Bale pode nos dar. É meu jogador, eu sou o treinador do Real Madrid e isso é o que me interessa. O resto podem opinar”, reforçou.

Por fim, Zidane assegurou que Bale está em boas condições para atuar e esclareceu que apenas lesões ou problemas físicos foram motivos para descartar o atleta de outras partidas anteriormente. “Gareth é um jogador importante, sempre demonstrou isso. Se ele está bem e não lhe acontece algo, é um jogador muito importante. Quando está lesionado é diferente, mas quando está bem, e agora está bem, vou contar com ele e vocês também sabem disso”, avisou.

VINICIUS JUNIOR FORA – Se Bale está confirmado por Zidane, Vinicius Junior acabou ficando fora da lista de 19 jogadores relacionados pelo técnico para a partida deste sábado, apesar de o atacante brasileiro ter treinado normalmente com o time durante a parada do Campeonato Espanhol motivada pelas datas reservadas para confrontos entre seleções nestas últimas duas semanas.

Esse é a quarta vez que Zidane descarta o ex-atleta do Flamengo de um jogo do Real por decisão técnica. Antes disso, ele não foi incluído por opção do comandante nas partidas contra Granada e Leganés, também pelo torneio nacional, e diante do Galatasaray, pela Liga dos Campeões.

Vinicius Junior vem sendo ofuscado no time madrilenho pelo compatriota Rodrygo, ex-Santos, que vem brilhando em campo e foi relacionado para o duelo com a Real Sociedad ao lado de Bale, Benzema, Hazard e Jovic entre os atacantes desta última lista escolhida por Zidane, que conta também com as presenças dos brasileiros Eder Militão, Marcelo e Casemiro. O meia colombiano James Rodríguez, além dos espanhóis Lucas Vázquez, Nacho Fernández e Marco Asensio, todos lesionados, são desfalques para este sábado.

Confira a lista de 19 jogadores relacionados por Zidane:

Goleiros – Courtois, Areola e Altube.
Defensores – Carvajal, Sergio Ramos, Varane, Eder Militão, Marcelo e Mendy.
Meio-campistas – Casemiro, Valverde, Kroos, Modric e Isco.
Atacantes – Benzema, Hazard, Jovic, Rodrygo e Bale.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora