Vitor Mosca pretende voltar ao União Barbarense

Livre no mercado, técnico diz que “seria um prazer” retornar ao clube barbarense, mas não foi procurado até o momento


Foto: Marcelo Rocha - O Liberal.JPG
Ele comandou o Leão da 13 neste ano, durante o Campeonato Paulista Sub-23 Segunda Divisão

Livre no mercado, o técnico Vitor Mosca disse nesta sexta-feira, em entrevista ao LIBERAL, que está disposto a retornar para o União Barbarense. O treinador, porém, contou que ainda não foi procurado pela diretoria.

Ele comandou o Leão da 13 neste ano, durante o Campeonato Paulista Sub-23 Segunda Divisão. Mosca chegou ao clube em abril, para o lugar do demitido Denis Augusto, e deixou o cargo em maio, quando optou por assumir a equipe feminina do Audax.

À frente do União, o técnico somou um vitória, dois empates e três derrotas. Ele teve um aproveitamento abaixo da média, de 27,78%.

No entanto, o treinador conseguiu dar liga ao time, tanto é que, após a saída dele, o substituto Guilherme Businari seguiu com o mesmo padrão de jogo e conquistou três vitórias em quatro partidas.

No Leão da 13, Mosca também precisou lidar com problemas internos, como atrasos salariais, desmanche de elenco e o desligamento do então gerente de futebol Maurílio D’Elboux, que era o responsável direto pelo plantel.

“O que eu tenho é um baita de um relacionamento com alguns amigos que eu fiz ali no Barbarense. Agora, estar disposto a voltar, com certeza. Para mim, seria um prazer, porque é um clube que eu saí não por nenhum tipo de problema, mas por uma proposta que surgiu”, afirmou.

No Audax, o técnico avançou até as quartas de final do Campeonato Brasileiro Feminino. A equipe caiu diante do Kindermann-SC, com duas derrotas por 1 a 0.

O União deve definir o treinador para 2020 em dezembro, conforme comunicou à imprensa. Por enquanto, o diretor de futebol Clayton Vieira tem focado em melhorar a estrutura física do clube.

Uma nova academia será inaugurada pelo Leão da 13 no próximo dia 22, na sede social. O alojamento do Estádio Antonio Guimarães também passa por reforma. A obra inclui a construção de mais sete quartos, que poderão abrigar 21 atletas.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora