Sem somar pontos, Bolívia desembarca em Belo Horizonte demonstrando otimismo


Após sofrer sua segunda derrota nesta Copa América, a delegação da Bolívia desembarcou em Belo Horizonte nesta quarta-feira, demonstrando otimismo. Mesmo ainda sem somar um ponto sequer na competição, o grupo boliviano diz acreditar na classificação às quartas de final no Grupo A, o mesmo do Brasil.

“Ainda não estamos eliminados. Teremos uma oportunidade e vamos tentar sair com a vitória”, declarou o atacante Marcelo Moreno, referindo-se ao último jogo da equipe boliviana na fase de grupos. Será contra a Venezuela, no sábado, no Mineirão. Os venezuelanos estão em terceiro lugar na chave, com dois pontos.

Para este duelo, Moreno até pediu apoio à torcida do Cruzeiro, time que ele defendeu em 2014 e também entre 2007 e 2008. “Espero que a torcida esteja apoiando a nossa boliviana, principalmente os torcedores do Cruzeiro, para que possam apoiar a mim e aos meus companheiros”, declarou o jogador na chegada do time ao hotel.

O jogo marcado para sábado é de vital importância para a Bolívia. Um empate já eliminará os bolivianos na competição disputada no Brasil. Portanto, o time precisa vencer a Venezuela para chegar aos três pontos e tentar se credenciar como um dos melhores terceiros colocados da fase de grupos. Somente os dois melhores avançam às quartas de final.

A Bolívia estreou na competição logo no jogo de abertura, na derrota por 3 a 0 para o Brasil, no Morumbi. Na noite de terça-feira, perdeu para o Peru por 3 a 1, no Maracanã. Brasileiros e peruanos lideram o grupo, com quatro pontos cada. O Brasil é o primeiro, por levar vantagem no saldo de gols.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora