Sem forçar o ritmo, Bayern bate o Energie Cottbus em estreia na Copa da Alemanha


Em ritmo de treino, o Bayern de Munique derrotou o Energie Cottbus, da quarta divisão alemã, por 3 a 1, nesta segunda-feira, no estádio de Freundschaft, em Cottbus, em jogo único válido pela primeira fase da Copa da Alemanha.

Com a vitória, o time bávaro assegurou classificação ao segundo estágio da competição e ganhou ainda mais confiança para a sua estreia no Campeonato Alemão, nesta sexta-feira, em casa, onde abrirá a edição 2019/2020 do torneio nacional contra o Hertha Berlin, às 15h30 (de Brasília). Dominante em seu país, a equipe foi campeã alemã nas sete últimas temporadas.

Já o próximo adversário do Bayern na Copa da Alemanha será definido na noite do próximo domingo. E o clube de Munique também é o atual campeão deste torneio, cuja primeira fase desta edição foi encerrada justamente nesta segunda-feira. O estágio seguinte da competição será realizada nos dias 29 e 30 de outubro.

Empurrado pela sua entusiasta torcida, o limitado e jovem time do Cottbus lutou bastante na primeira etapa para tentar marcar o poderoso Bayer de Munique. Com pelo menos três boas defesas, o goleiro Lennart Moser foi o destaque no início do jogo.

Aos 32 minutos, não teve jeito. Moser fez mais uma grande defesa em cabeçada do francês Kingsley Coman, mas a bola sobrou para Robert Lewandowski tocar para o gol vazio e abrir o placar.

No segundo tempo, o Cottbus não teve forças para tentar o empate. Manuel Neuer só fez uma defesa. No contra-ataque, o Bayern se impôs. Aos 23, Coman bateu colocado de fora da área para ampliar a vantagem do Bayern.

Sem forçar o ritmo, o terceiro gol do Bayern, marcado por Leon Goretzka, saiu após uma roubada de bola no campo da equipe da casa, aos 40 minutos. A facilidade foi tão grande que parecia um treinamento.

O apoio dado pelos cerca de 20 mil torcedores presentes ao estádio durante todo o tempo foi premiado aos 47 minutos, com um pênalti. Berkan Taz bateu firme, venceu Neuer e viu seus torcedores festejarem como se fosse um gol de final de campeonato.

O jogo desta segunda-feira também marcou a estreia oficial pelo Bayern do lateral-esquerdo francês Lucas Hernández, ex-Atlético de Madrid. Ele, porém, teve pouco tempo para mostrar serviço, pois entrou em campo apenas aos 43 minutos do segundo tempo, substituindo Niklas Süle.

OUTROS JOGOS – Outras três partidas encerraram nesta segunda-feira a primeira fase da Copa da Alemanha. Em uma delas, em Halle, o Wolfsburg precisou da prorrogação para eliminar, por 5 a 3, o Hallescher, da terceira divisão, após empate no tempo normal em três gols. Felix Drinkuth abriu o placar para o time da casa, aos 43 minutos de jogo. Na saída de bola, Wout Weghorst empatou.

Logo aos quatro minutos da etapa final, Yannick Gerhardt virou para o Wolfsburg. Sebastian Mai igualou o marcador, aos 12. O brasileiro William colocou o Wolfsburg mais uma vez em vantagem, aos 25, mas Mathias Fetsch fez o terceiro do Hallescher e levou a decisão da vaga na segunda rodada da competição para o tempo extra.

E o Wolfsburg precisou de apenas dois minutos para definir a fatura. Robin Knoche, aos dois, e Josip Brekalo, aos quatro, garantiram a classificação.

Em Rostock, um gol do alemão de origem marroquina Hamadi Al Ghaddioui, aos 19 minutos de jogo, assegurou a vitória do Stuttgart sobre o Hansa Rostock, da terceira divisão, para também ir à próxima fase do torneio.

A surpresa da rodada foi registrada em Karlsruhe, onde o time da casa, que atua na segunda divisão alemã, venceu o Hannover por 2 a 0, com gols no segundo tempo de Lukas Grozurek, aos oito, e Marvin Wanitzek, aos 16.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora