Rossi celebra chegada ao Inter em momento decisivo e quer jogar Gre-Nal

O Internacional apresentou oficialmente nesta segunda-feira o atacante Rossi. Contratado por empréstimo até o fim do ano junto ao Shenzhen…


O Internacional apresentou oficialmente nesta segunda-feira o atacante Rossi. Contratado por empréstimo até o fim do ano junto ao Shenzhen FC, da segunda divisão da China, o jogador de 24 anos, um dos destaques da Chapecoense no ano passado, celebrou a chegada ao clube em um momento decisivo, com Copa do Brasil e Gre-Nal ao longo da semana.

“Não poderia ter chegado em melhor hora: uma semana decisiva, de clássico e de Copa do Brasil. Estou arrepiado (de vestir a camisa número 22 do Inter). Sem desmerecer a Chapecoense e os outros times, mas era meu sonho de moleque vestir a camisa de um grande time do futebol brasileiro”, declarou.

Rossi não poderá encarar o Cianorte na quarta-feira, no Paraná, pela Copa do Brasil, mas pode ser inscrito para a fase final do Campeonato Gaúcho. Por isso, o atacante manifestou o desejo de estrear logo no maior clássico do Estado, domingo que vem, contra o Grêmio, na Arena.

“Fisicamente estou bem. Fiz uma pré-temporada de dois meses na China. Estou com ritmo de jogo porque disputamos partidas em um torneio. Foi uma experiência boa que tive na China. Estou ansioso por estrear. Quero ficar à disposição já para o Gre-Nal”, afirmou o jogador, que não atua desde setembro do ano passado.

Rossi chega como reforço para o ataque e tem como característica atuar pelos lados do campo. Se não tem o faro de artilheiro como maior qualidade, o jogador quer ajudar os centroavantes do elenco. “Meu forte é jogar pela direita, dando assistência para o centroavante. Espero encher o Leandro Damião, o Roger, o Nico López ou seja quem for com gols.”

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!