Classificado, Rio Branco perde para o Flamengo

Tigre entrou em campo classificado por conta do empate entre Mauá e Itapirense neste sábado e treinador atribui derrota ao excesso de confiança


Já classificado às quartas de final, o Rio Branco viu sua invencibilidade de seis jogos no Campeonato Paulista Sub-23 Segunda Divisão ser quebrada na manhã deste domingo (8). Em Guarulhos, o Tigre perdeu por 3 a 1 para o Flamengo e viu o adversário esquentar a briga pela liderança do grupo 15. O único gol do alvinegro foi de Lucas Duni após o “corvo” ter aberto 3 a 0 no placar.

Foto: Rádio Esporte Clube
Flamengo dominou o jogo e emplacou 3 a 1 em cima do Rio Branco

O último revés do Tigre havia sido em 20 de julho, diante do Marília, em casa, em duelo que encerrou o primeiro turno da segunda fase. Para o técnico Marcos Campangnollo a derrota deste domingo foi consequência de um excesso de confiança de sua equipe e não tem relação com a conquista da classificação de maneira antecipada.

“Temos dois jogos importantes, temos que organizar o time. Tem coisas que acontecem que servem de exemplo. Nós estivemos 20 anos dentro do campo e falamos com propriedade. Precisa ver o que eles [atletas] querem pra sequência”, disse o treinador após a partida, em entrevista concedida durante a transmissão em rede da rádio VOCÊ (AM 580), Rádio Esporte Clube e Rádio e TV Esporte Web.

O alvinegro entrou em campo para abrir o returno da terceira fase já classificado às quartas de final nesta manhã. A garantia da vaga veio neste sábado, com o empate entre Mauá e Itapirense por 3 a 3. O resultado impede que as duas equipes alcancem a pontuação do Tigre mesmo que vençam os dos últimos jogos deste etapa.

Apesar do revés, o Rio Branco segue na liderança de seu grupo, com nove pontos, mas vê a distância para o Flamengo, segundo colocado, reduzir para dois pontos. Na próxima rodada visita o Mauá, no sábado, às 15 horas, no Estádio Municipal Pedro Benedetti

FLAMENGO
Zé Carlos; Thomas, Rômulo, Gustavo (João Elias) e João Vitor; João Paulo, Wallace, Bruno Freitas e Custódio; Matheus Alves (Dedé) e Piauí (Irving).
Técnico: Adilson Ferreira Brito.

RIO BRANCO
Alan; Rafael Cursino, William, Wellerson e Leandro Guizi; Maranhão e Kayo; Bismarck (Gabriel Paz), Felipinho (Eduardo) e Mazinho; Gabriel Braga (Lucas Duni). Técnico: Marcos Campangnollo.

GOLS: Wallace aos 13’1T, Gustavo aos 2’2T e Piauí aos 9’2T (Flamengo); Lucas Duni aos 34’2T (Rio Branco)

ÁRBITRO: João Vitor Gobi.

LOCAL: Estádio Antonio Soares de Oliveira, às 10 horas, em Guarulhos (SP).

PÚBLICO: 1.243 pagantes

RENDA: R$ 7.215,00

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora