Real Madrid empata sem gols e Barcelona fecha 2019 como líder isolado do Espanhol


O Real Madrid deu neste domingo um grande presente de Natal à torcida… do Barcelona. No estádio Santiago Bernabéu, em Madri, o time comandado pelo técnico francês Zinedine Zidane não conseguiu sair do 0 a 0 contra o Athletic Bilbao e, com isso, permitiu a seu maior rival encerrar o ano na condição de líder isolado do Campeonato Espanhol, após 18 rodadas.

O Barcelona, que no sábado goleou o Alavés por 4 a 1, terminou 2019 com 39 pontos, dois a mais do que o Real Madrid. O terceiro colocado é o Sevilla, com 34. O Athletic Bilbao, por sua vez, alcançou a sétima colocação, com 28 pontos.

O empate sem gols contra o time do País Basco deixou evidente uma vez mais que o maior problema do Real Madrid é o ataque. Em seus últimos três jogos, a equipe balançou a rede apenas uma vez – e foi nos acréscimos do segundo tempo da partida contra o Valencia, há uma semana. Em 18 rodadas do Campeonato Espanhol, anotou 33 gols, 14 a menos do que o Barcelona.

Neste domingo, o Real Madrid teve Rodrygo e Vinicius Junior como titulares, formando o trio de ataque da equipe de Madri com o francês Benzema. Os dois deram muito trabalho à defesa do Athletic Bilbao, especialmente o ex-jogador do Flamengo, mas ele uma vez mais teve problemas com as finalizações.

Diante de uma equipe bastante defensiva, o Real Madrid passou a partida inteira criando (e desperdiçando) ótimas chances de marcar. Aos 18 minutos do primeiro tempo, Kroos fez uma jogada individual, chutou com força e a bola explodiu no travessão depois de um desvio do goleiro Simón. Aos 31, Benzema chegou a driblar Simón antes de chutar, mas o arqueiro se recuperou e evitou o gol. No rebote, Vinicius Junior se atrapalhou.

Depois do intervalo, a história foi a mesma. Aos 13 minutos, o zagueiro Nacho, que havia acabado de substituir o brasileiro Éder Militão, cabeceou no travessão. Também em uma cabeçada, o atacante Jovic, que entrou no lugar de Vinicius Junior, acertou a trave aos 40. E, assim, o Real Madrid amargou um péssimo resultado em seu estádio.

Mais cedo, Levante e Celta se enfrentaram em Valência e a equipe da casa venceu por 3 a 1. A vitória fez o Levante subir para a nona colocação do Campeonato Espanhol com 26 pontos, enquanto que o time de Vigo continua na zona de rebaixamento – é o 18.º, com 14.

Iago Aspas pôs a equipe visitante à frente no placar no primeiro tempo, mas o Levante mudou completamente a história da partida na etapa final. Dois gols de Roger colocaram os donos da casa em vantagem e Borja Mayoral, aos 46 minutos, acabou de vez com as esperanças do Celta de evitar a derrota.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora