Pedro Rocha admite falta de concentração do Cruzeiro, mas crê na classificação


Pedro Rocha não escondeu a frustração após o Cruzeiro ceder o empate ao Fluminense por 1 a 1, com o gol marcado por João Pedro, aos 48 minutos do segundo tempo, para o time carioca, no Maracanã. O atacante, que fez o gol da equipe mineira no confronto de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, admitiu a falta de concentração do time nos minutos finais do duelo, quando muitos já davam a partida como decidida.

“Sabíamos como seria o jogo aqui. A característica do Fluminense é de ficar com bola. A gente tentou, consegui fazer o gol, mas tínhamos que ficar concentrados até o final (do jogo). Não podíamos levar o empate. Mas tem mais 90 minutos pela frente. Nosso time foi aguerrido e isso é o que importa”, disse o atacante.

O Cruzeiro ficou realmente abaixo das expectativas. Vindo de derrotas para Emelec, na Copa Libertadores, e Internacional, no Campeonato Brasileiro, o time deu apenas uma finalização durante o jogo contra o Fluminense. Apesar de sentir o “gostinho” da reabilitação, a equipe ficou longe das suas melhores atuações nesta temporada.

O gol sofrido no fim não atrapalha os planos do Cruzeiro. Com o resultado, o time mineiro precisa de uma vitória, no Mineirão, em 5 de junho, para selar sua classificação às quartas de final da Copa do Brasil. Um novo empate leva a partida para os pênaltis.

Buscando quebrar a sequência negativa de resultados, o Cruzeiro jogará neste sábado, novamente contra o Fluminense, às 18 horas, no Maracanã, pelo Brasileirão.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!