Palmeiras muda foco para levar o 10º título do Brasileirão

O time do técnico Luiz Felipe Scolari lidera a competição com quatro pontos de vantagem sobre o segundo colocado, o Flamengo


Com a eliminação na semifinal da Copa Libertadores, o Palmeiras passa a ter foco total a partir de agora no Campeonato Brasileiro. O time do técnico Luiz Felipe Scolari lidera a competição com quatro pontos de vantagem sobre o segundo colocado, o Flamengo (63 a 59), a sete rodadas do final.

O time terá pouco tempo para lamentar a queda. Já neste sábado, novamente no estádio Allianz Parque, em São Paulo, a equipe recebe o Santos para tentar se recuperar e terá o apoio de pelo menos 34 mil pessoas – esta é a cota de ingressos já vendidos. O time ostenta 16 rodadas consecutivas de invencibilidade e vislumbra uma contagem regressiva rumo ao título.

Foto: Cesar Greco / Agência Palmeiras / Divulgação
Palmeiras foi eliminado nesta quarta-feira da Libertadores

Com 63 pontos, a equipe está próxima da marca de 75. O número representa a média histórica dos campeões por pontos corridos desde 2006, quando a competição passou a ter 20 equipes. O título pode vir ainda antes, de acordo com os tropeços dos adversários. No ano passado, por exemplo, o Corinthians confirmou a taça com 72 pontos.

A caminhada palmeirense nas sete rodadas finais tem compromissos teoricamente mais tranquilos, sem confrontos diretos contra adversários das primeiras posições. Serão quatro partidas contra times que lutam contra o rebaixamento como Paraná, América-MG, Vasco e Vitória.

A sequência final inclui, além do clássico contra o Santos, mais duas partidas contra adversários com campanha irregular. Um dos jogos será contra o Atlético-MG, em Belo Horizonte, e o outro contra o Fluminense, no estádio Allianz Parque. O time terá mais tempo para se preparar, pois não terá mais de conciliar o calendário entre duas ou mais competições.

Toda a caminhada do Palmeiras busca o decacampeonato nacional. A marca de 10 conquistas deixaria o time ainda mais isolado no ranking dos maiores campeões nacionais e com confiança elevada para em 2019, retomar o caminho da Libertadores.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!