Oficializado no Fla, Rodrigo Caio se despede do SP

Formado nas divisões de base do São Paulo, Rodrigo Caio soma 277 jogos disputados e 13 gols marcados pelo clube


Após ser anunciado como primeiro reforço do Flamengo para a temporada 2019, Rodrigo Caio usou as redes sociais para se despedir do São Paulo e dos torcedores do clube. O zagueiro de 25 anos assinou contrato de cinco anos com o time carioca.

Foto: Divulgação - Flamengo
Zagueiro perdeu espaço no São Paulo em 2018, especialmente por ter sofrido uma lesão no pé esquerdo em abril.

“Posso dizer que foi uma vida aqui dentro, alegrias, conquistas, amor e sofrimento, mas que tudo valeu a pena. Saio de cabeça erguida, muito realizado e deixo um legado: profissionalismo, dedicação e respeito a essa camisa”, disse o jogador, que também atua como volante, em seu perfil no Instagram.

“Muito obrigado, instituição São Paulo Futebol Clube, a todos jogadores, diretoria, comissões técnicas, funcionários, e os verdadeiros torcedores tricolores, além daqueles que fizeram parte dessa minha história. Vocês estarão sempre em minha memória e coração”, escreveu o jogador.

Formado nas divisões de base do São Paulo, Rodrigo Caio soma 277 jogos disputados e 13 gols marcados pelo clube. Mas o zagueiro perdeu espaço no clube em 2018, especialmente por ter sofrido uma lesão no pé esquerdo em abril. O problema encerrou as possibilidades e o sonho de disputar a Copa do Mundo da Rússia pela seleção brasileira.

O jogador já vive o clima do seu novo time e revelou estar “extremamente motivado” com a chance de defender o Flamengo. “É com muito orgulho e extremamente motivado que inicio a minha história no Flamengo. Honrado demais em poder defender esse clube gigantesco. Não vejo a hora de entrar em campo com a camisa rubro-negra”, escreveu Rodrigo.

Rodrigo Caio possui em seu currículo o título da Copa Sul-Americana de 2012, além de ter faturado a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio-2016. Os detalhes financeiros da transação não foram revelados, mas as informações são de que o Flamengo vai desembolsar 5 milhões de euros (cerca de R$ 22 milhões) por 45% dos direitos econômicos do jogador.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora