Negociação de Romarinho poderá render cerca de R$ 150 mil ao RB

Ex-atacante do clube de Americana trocou time do Al Jazira, dos Emirados Árabes, pelo Al-Ittihad, da Arábia Saudita


O Rio Branco pode receber cerca de R$ 150 mil pela transferência do atacante Romarinho. O atleta foi vendido pelo Al Jazira, dos Emirados Árabes Unidos, ao Al-Ittihad, da Arábia Saudita. Ele assinou o novo contrato, válido por duas temporadas, nesta quinta-feira.

Foto: Divulgação
Atleta trocou de equipe no Oriente Médio e o Rio Branco pode ter lucro

A negociação gira em torno de 4 milhões de euros, o equivalente a R$ 17,5 milhões. Segundo o advogado da área desportiva do clube de Americana, Éder Duarte, o Rio Branco tem direito a 0,86% do valor da transação. O percentual é referente ao período que o jogador atuou pela equipe americanense.

O presidente do Rio Branco, Valdir Ribeiro, disse que irá atrás dos valores a serem recebidos. “Vamos solicitar do clube que o contratou o contrato. Caso não forneça, solicitaremos via Fifa”, afirmou.

Romarinho defendeu o Tigre entre julho de 2008 e abril de 2010, dos 18 aos 20 anos de idade. Conforme o regulamento de transferências da Fifa, 5% do valor de cada transação internacional deve ser dividido entre os clubes em que o atleta trabalhou dos 12 aos 23 anos.

De acordo com Duarte, em qualquer negociação onerosa que envolva Romarinho, o Rio Branco tem “direito a 0,2% referente ao período proporcional de 2008, 0,5% referente ao ano inteiro de 2009 e 0,16% referente ao período proporcional de 2010”.

Pelo Instagram, o atacante agradeceu o Al Jazira, seu ex-clube, e falou que pretende ser campeão no Al-Ittihad.

“Agradeço ao @al_jazira_fc por tudo, um clube onde vivi grandes momentos, tive a experiência de disputar mais um Mundial de Clubes e fiz grandes amigos. Agora o desafio será no @ittihadclub.sa, da Arábia Saudita […] Agora é trabalhar pra buscar títulos e defender essas novas cores como sempre fiz na minha carreira por onde passei”, diz a nota.

CARREIRA. Romarinho chegou ao Rio Branco para a disputa da Copa Paulista de 2008, após passagem pelo time do Rio Preto. Ele era reserva nessa competição. Em 2009, acabou ganhando a posição durante o Campeonato Paulista da Série A2, quando o Tigre conquistou acesso para a elite do futebol estadual.

O atacante voltou ao banco no Paulistão de 2010, mas conseguiu retomar a titularidade ao longo do torneio. Em abril, o jogador trocou o Rio Branco pela equipe do Desportivo Brasil.

O atacante, que tem como principais características o drible e a agilidade em campo, também se destacou no Bragantino e, principalmente, no Corinthians. Pelo Timão, marcou um gol na final da Libertadores de 2012 e estava no elenco campeão mundial daquele ano. Ele retornou ao Mundial Interclubes no ano passado, com a camisa do Al Jazira. Na semifinal, balançou a rede na derrota por 2 a 1 para o Real Madrid.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!