Jânio Fialho deixa Rio Branco após 2 jogos

Fialho até estreou com vitória no alvinegro, mas amargou sua primeira derrota com a equipe no último fim de semana


Depois de apenas dois jogos no comando do Rio Branco, Jânio Fialho se desligou no clube na manhã desta segunda-feira (19). O treinador se desentendeu com a nova parceria que investe no departamento de futebol do Tigre desde semana passada. Fialho até estreou com vitória no alvinegro (1 a 0 no Rio Preto), mas amargou sua primeira derrota com a equipe no último fim de semana (2 a 0 para o Desportivo Brasil).

Foto: Marcelo Rocha-O Liberal
Nesta quarta será o primeiro jogo do clube no ano atuando em sua casa, no estádio Décio Vitta

O Rio Branco fica sem treinador às vésperas do aguardado dérbi contra o União Barbarense, marcado para esta quarta-feira, às 19 horas. Será o primeiro jogo do clube no ano atuando em sua casa, no estádio Décio Vitta, em Americana. Ao que tudo indica, o auxiliar André Ricardo Pereira, o Andrezão, comandará o time mais uma vez de forma interina no clássico.

Já a parceria do Tigre também tem futuro incerto. O presidente do Conselho Deliberativo, Armindo Borelli, convocou reunião com os representantes da parceria para a manhã desta terça-feira. Paralelamente, o presidente Valdir Ribeiro foi procurado por pessoas que trabalharam recentemente na gestão do clube e apresentaram uma proposta para reassumir a função em caráter de emergência, para tentar tirar o time da zona de rebaixamento do Campeonato Paulista da Série A3. O mandatário do alvinegro deve tomar uma decisão até o fim da tarde de hoje.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!