Interino admite dúvida entre Zé Welison e Adilson no Atlético-MG


O técnico Rodrigo Santana tem uma dúvida para escalar o time do Atlético-MG, que enfrenta o Palmeiras, às 16 horas, domingo, no Mineirão, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Zé Welison e Adilson disputam uma vaga no meio-campo, sendo que o interino apontou que aspectos físicas e de estilo de jogo vão pesar na sua decisão.

“Estávamos conversando agora com a comissão, com a fisiologia. Os dois estão bem desgastados. A gente tem o Zé, que está roubando muita bola. O Adilson rouba um pouco menos, mas passa mais a bola. São jogadores com características distintas. Vamos avaliar e ver quem tem mais condições para sair jogando”, disse.

Já o equatoriano Cazares, recuperado de um edema na coxa esquerda, pode ficar no banco. O jogador, segundo o treinador atleticano, participou de dois treinos na semana, mas ainda não tem o ritmo ideal para ser titular, pois não atua desde o primeiro duelo da decisão do Campeonato Mineiro.

“O Cazares foi entregue para os trabalhos em campo nesta semana. Ainda sentiu, fez dois períodos, está com a perna um pouco inchada. Vou conversar com ele. Não está 100% fisicamente, mas é um cara que quer ajudar”, afirmou.

Chará, outro estrangeiro do elenco atleticano, saiu do treino mais cedo nesta sexta-feira com dores no pé direito e virou dúvida para a partida deste domingo. Caso o atacante não possa jogar, Maicon e Nathan são as opções de Rodrigo Santana para montar a equipe.

O treinador lembrou que domingo é “Dia das Mães”, mas pediu um esforço para que a torcida lote o Mineirão – a última parcial da venda antecipada apontou 17.090 ingressos adquiridos. “Todo time mandante no Brasileiro se torna muito forte. O Palmeiras foi a Alagoas e sentiu a força do CSA (partida terminou empatada)”, disse Rodrigo Santana. “Este é um jogo que vale muito. O resultado pode ser decisivo lá na frente.”

O líder Atlético é o único time a ter conquistado três vitórias nas três primeiras rodadas do Brasileirão. O time mineiro soma quatro vitórias consecutivas, todas por 2 a 1. O Palmeiras soma sete pontos, ao lado de São Paulo e Santos.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!