Guarani confirma volta de dupla no clássico, mas mantém volante em dúvida


Com treinamento fechado nesta sexta-feira à tarde no Brinco de Ouro da Princesa, o Guarani deu sequência à preparação para o Dérbi 196, contra a Ponte Preta, no dia 16. A principal incógnita no lado bugrino diz respeito a Igor Henrique. O volante completa 15 dias de lesão muscular na coxa esquerda e corre contra o tempo para ficar à disposição de Thiago Carpini – o atleta tem participado de alguns trabalhos na semana, mas ainda não está 100% fisicamente.

Por outro lado, tratados como dúvida no começo da semana, em virtude de problema muscular, o lateral-esquerdo Bidu e o meia Lucas Crispim finalizaram o processo de transição física e serão relacionados.

“Eles estão bem melhores e treinaram ontem (quinta-feira). Igor ficou fazendo trabalho de fortalecimento. Crispim e Bidu fizeram todo trabalho de campo aberto que nós fizemos, já dando uma cara do que a gente pensa pro jogo. Igor sobe hoje também e faz esse trabalho”, afirmou Carpini.

“Vamos ver qual vai ser a resposta dele, mas a resposta do Crispim e do Bidu foram muito boas. Acho que eles já reúnem condições para a partida. Igor vai mais depender hoje do feedback pós-treino. Hoje a gente faz uma atividade mais tranquila e amanhã devemos abrir o campo novamente para fazer um ajuste final”, emendou.

Sem Deivid, titular absoluto e suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Marcelo é tido como substituto mais provável. O treinador do time alviverde, porém, não descarta a possibilidade de improvisar um zagueiro como primeiro volante, tática adotado no Dérbi 195, em novembro de 2019.

“Há também essa possibilidade também. Bruno Silva é um volante de origem e, inclusive, foi meu companheiro de clube enquanto volante. Tem essa possibilidade, mas nós temos também, dentro do elenco, outras situações que, às vezes, não cheguem tão próximo ao Deivid nas características”, ponderou.

“A gente perde algumas coisas, mas ganha em outras. É assim em todas as situações. Nós temos também Eduardo Person, Marcelo, Ricardinho e a própria situação do Bruno (Silva) e do Romércio. Estou contente e não vou lamentar a saída e a ausência do Deivid”, finalizou.

Com 13 pontos e embalado por vitória em Itu, o Guarani ocupa a vice-liderança do Grupo D e depende apenas de si para se classificar às quartas de final do Campeonato Paulista.

Uma provável escalação do Guarani tem: Jefferson Paulino; Pablo, Bruno Silva, Leandro Almeida e Bidu; Marcelo, Eduardo Person, Lucas Crispim e Giovanny; Júnior Todinho e Rafael Costa.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora