Flamengo fará dois treinos no Rio e dois em CT da seleção peruana antes da final


Com o elenco de folga nesta segunda-feira depois de o time ter vencido o Grêmio por 1 a 0, no último domingo, em Porto Alegre, e dado mais um passo para conquistar o título do Campeonato Brasileiro, o Flamengo divulgou a programação de sua preparação para a final da Copa Libertadores, contra o River Plate, no sábado, às 17 horas (de Brasília), em Lima, no Peru.

O time comandado pelo técnico Jorge Jesus fará o primeiro treinamento visando a decisão nesta terça-feira, às 16 horas, no CT Ninho no Urubu. No mesmo local, mas às 9h, a equipe rubro-negra fará a sua última atividade no Rio antes de seguir até o aeroporto para embarcar rumo à capital peruana.

Já para quinta-feira foi programado para o meio-dia (de Brasília) o primeiro treino após a chegada ao Peru. O trabalho ocorrerá em La Videna, CT da Federação Peruana de Futebol, que abrigará no mesmo horário um treinamento na sexta. E para as 19h30 do mesmo dia está marcado para ocorrer o reconhecimento do Monumental de Lima, estádio que abrigará a decisão de sábado. No mesmo palco do confronto, Jorge Jesus e o capitão flamenguista Everton Ribeiro darão entrevista coletiva pouco antes deste contato inicial dos jogadores com o gramado da final com o River Plate.

O time rubro-negro vai iniciar a preparação para o duelo no Peru depois de Jorge Jesus ter poupado oito titulares na escalação do time que começou a partida de domingo contra o Grêmio. Apenas o goleiro Diego Alves, o meia Arrascaeta e o atacante Gabriel, autor do gol do triunfo sobre os gremistas, foram utilizados entre os jogadores que fazem parte hoje da formação considerada principal da equipe.

No decorrer do segundo tempo do duelo na capital gaúcha, Everton Ribeiro e Rodrigo Caio foram colocados em campo pelo comandante português, enquanto Pablo Marí, Willian Arão, Gerson e Bruno Henrique sequer viajaram até o Sul. Já Rafinha e Filipe Luís, outros dois titulares, ficaram apenas no banco de reservas.

O treinador não tem problemas para escalar a sua equipe. Recuperado de uma entorse no joelho, Arrascaeta foi novamente titular após três jogos fora e mostrou que está bem. O uruguaio foi o principal destaque do triunfo rubro-negro, com belos passes e boa participação na jogada que resultou no pênalti convertido por Gabriel no Sul.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora