Felipinho comemora boa média de gols no Tigre

Suspenso do próximo jogo, meia vive a melhor fase da carreira como artilheiro


O meia Felipinho afirmou que, em termos de artilharia, vive a melhor fase da carreira. Em sete jogos pelo Rio Branco, o jogador marcou cinco gols. O último deles garantiu a vitória por 1 a 0 sobre a Itapirense, neste sábado, fora de casa.

Em contrapartida, ele virou desfalque para o Tigre. Felipinho levou o terceiro cartão amarelo em Itapira e, portanto, vai cumprir suspensão contra o Mauá, no próximo sábado. A partida será às 15 horas, no Décio Vitta, em Americana, pela segunda rodada da terceira fase do Campeonato Paulista Sub-23 Segunda Divisão.

Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
Felipinho vive grande fase com a camisa do Rio Branco

“Fico muito triste, porque jogador quer sempre estar atuando, ajudando a equipe”, comentou.
Felipinho chegou ao Rio Branco entre a primeira e a segunda fase do torneio estadual. Desde então, de todo o elenco, ele é o jogador que mais balançou a rede.

“Nos outros clubes, eu não fazia tantos gols. Aqui, eu só tenho a agradecer a Deus por essa fase artilheira”, comemorou.

No Tigre, o meia também soma uma assistência e, segundo o técnico Marcos Campangnollo, tem se destacado na marcação. “Está sendo uma das melhores fases da minha vida”, festejou o atleta.
O treinador evitou lamentar a futura ausência de Felipinho, mas reconheceu a importância do atleta para o time. “É um atleta que, hoje, está se destacando bastante na nossa equipe”, declarou.

Ao longo da semana, Campangnollo vai escolher o substituto do camisa 10. Léo, Rafael Cursino e Alê brigam pela vaga. “Temos alguns atletas que podem fazer bem essa função do Felipinho”, apontou o comandante.

Nesta segunda-feira, os reservas do Rio Branco fizeram um jogo-treino com uma equipe de Piracicaba formada por jogadores profissionais em inatividade, no Décio Vitta. O amistoso ficou empatado em 1 a 1. Rafael Cursino anotou o gol riobranquense.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora