Técnico Nicanor de Carvalho morre aos 71 anos

Nicanor de Carvalho passou pelo clube de Americana em 2002


O ex-treinador de futebol Nicanor de Carvalho, que passou pelo Rio Branco em 2002, morreu nesta quarta-feira, aos 71 anos, após uma parada cardíaca. Ele estava hospitalizado em Campinas, por conta de uma crise de diabetes.

Foto: Arquivo / Ponte Press
Treinador morreu nesta quarta, em Campinas

Segundo o jornalista e historiador Claudio Gioria, Nicanor assumiu o comando do Tigre no dia 20 de março de 2002, durante o Campeonato Paulista da Série A1. Com ele no banco, a equipe terminou a competição em 3º lugar, três pontos atrás do campeão Ituano. Nicanor dirigiu o alvinegro por nove jogos, com seis vitórias, um empate e duas derrotas.

Formado em educação física, ele ainda trabalhou em clubes como Corinthians, Santos, Ponte Preta e Guarani. Fora do País, fez sucesso no Japão.

Nicanor foi ponta-direita enquanto jogador, com passagens por Internacional de Limeira, XV de Piracicaba, Ponte Preta, São Paulo, Ferroviária e Miami Todos, dos EUA. De acordo com o Guarani, o sepultamento será em Leme, cidade natal do ex-treinador.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!