Em momento delicado no Brasileirão, Botafogo se reencontra com Jair Ventura

Em partida no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, às 17 horas deste domingo, pela 32.ª rodada do Campeonato…


Em partida no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, às 17 horas deste domingo, pela 32.ª rodada do Campeonato Brasileiro, a torcida do Botafogo vai se reencontrar pela primeira vez com Jair Ventura, técnico que fez sucesso no clube entre 2016 e 2017. A visita do agora comandante do Corinthians, porém, vai acontecer em um contexto de briga botafoguense contra o rebaixamento.

O time carioca conquistou apenas 35 pontos em 31 rodadas, campanha marcada pela rotatividade de treinadores. Alberto Valentim, hoje no Vasco, saiu para treinar o Pyramids FC, passagem que durou apenas três meses por causa de atritos com a direção do clube egípcio. O substituto escolhido pelo Botafogo foi Marcos Paquetá, que durou apenas cinco partidas no emprego.

No cargo desde 4 de agosto, o desempenho de Zé Ricardo à frente do Botafogo não empolga. Foram três vitórias, cinco empates e seis derrotas desde então, contando apenas confrontos válidos pelo Brasileirão. A equipe até alcançou as oitavas de final da Copa Sul-Americana, depois de eliminar o Nacional, do Paraguai, mas saiu do torneio após empate no placar agregado contra o Bahia e revés em disputa de pênaltis.

Pelo Brasileirão, o Botafogo não vence há cinco jogos, retrospecto que aumenta a pressão sobre Zé Ricardo. “Queria deixar bem claro que em momento algum teve cogitação de sair. Está bem decidido o que a gente quer, que é deixar uma base montada para termos um 2019 com outras perspectivas”, disse o treinador na última sexta-feira em entrevista coletiva. Vale lembrar que Felipe Conceição, o “Tigrão”, iniciou o ano como técnico da equipe, mas foi demitido em fevereiro.

Zé Ricardo terá de lidar com desfalques importantes neste domingo, entre eles o centroavante Kieza, que não se recuperou de lesão no pé direito. Yago e Moisés, que pertencem ao Corinthians, não vão poder atuar por força de contrato – Jean, que também tem vínculo com o clube paulista, foi liberado para o duelo. O atacante Luiz Fernando e o zagueiro Marcelo Benevenuto estão suspensos.

Erik e Rodrigo Pimpão disputam uma vaga no ataque para atuar ao lado de Brenner, enquanto que o substituto de Moisés na lateral esquerda será Gilson. A melhor notícia para o Botafogo é a volta confirmada do paraguaio Gatito Fernández, que se recuperou de lesão no punho e vai reassumir a titularidade no gol da equipe no lugar de Saulo.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!