Cuca afirma que empate foi justo e critica decisão de árbitro

São-paulino recebeu o vermelho no segundo tempo depois de ter dividido com o goleiro Douglas, do Bahio


O técnico Cuca demonstrou estar conformado com o empate em 0 a 0 obtido pelo São Paulo neste domingo contra Bahia, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro. A postura de resignação pelo tropeço dentro de casa tem como explicação, segundo o treinador, o dia pouco inspirado dos jogadores e também a decisão polêmica do árbitro após o uso do VAR de expulsar o atacante Toró após revisar as imagens de um lance.

O são-paulino recebeu o vermelho no segundo tempo depois de ter dividido com o goleiro Douglas, do Bahia. Inicialmente o árbitro Daniel Bins havia dado apenas o cartão amarelo para o jogador, mas decidiu expulsá-lo depois de rever as imagens. “Eu fui perguntar para o árbitro sobre o lance e ele me disse que foi um lance interpretativo e que ele tomou a decisão pela intuição dele”, afirmou Cuca.

Parte da bronca são-paulina com a arbitragem vem desde o jogo com o Flamengo, no Morumbi, há duas semanas. A equipe esperava que o zagueiro adversário Thuler fosse expulsão após cotovelada em Alexandre Pato. Neste domingo, o clube voltou a criticar as decisões disciplinares, por se sentir prejudicada tanto no lance com Toró, como na falta de punição ao volante Gregore na dividida que lesionou e tirou de jogo o também volante Liziero.

Cuca afirmou que a operação do árbitro de vídeo precisa melhorar. “A gente tem que confiar, eles não erram por mal. Agora acho que quem tá lá em cima, chama ele e passa uma batata quente”, afirmou. “Eles têm que organizar para criar um critério só, para não ter dúvida sobre o posicionamento do VAR. Hoje parece o vídeo está mais importante do que o árbitro de campo”, disse o treinador.

Segundo o técnico, ao ficar com um jogador a menos o São Paulo perdeu força ofensiva e deu chance para o adversário ameaçar. “O empate você só vê que ele é bom, quando a gente perde. Foi um resultado justo. O Bahia jogou com um jogador a mais durante boa parte do jogo. O que deu para fazer hoje foi o empate, porque nossos jogadores não estavam em um grande dia”, comentou.

O elenco do São Paulo volta ao trabalho na tarde desta segunda-feira, no CT da Barra Funda. O próximo compromisso será novamente contra o Bahia, no Morumbi, na quarta-feira. O encontro, porém, será a partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora