Borré elogia Flamengo, mas diz que confia no poder de decisão do River Plate


Assim como o Flamengo, o River Plate realizou nesta quinta-feira o seu primeiro treinamento em Lima, no Peru, para a decisão da Copa Libertadores, que será neste sábado, às 17 horas (de Brasília), no estádio Monumental. No estádio do Alianza Lima, um dos grandes clubes da capital peruana, o técnico Marcelo Gallardo liberou apenas os primeiros 30 minutos da atividade, onde se viu o jovem lateral Elias López, de 19 anos, correr em volta do gramado, enquanto os outros jogadores faziam aquecimento.

Depois do treinamento, o atacante Santos Borré foi o escolhido para conversar com a imprensa argentina e internacional. Para ele, será uma final entre duas equipes que gostam de ter a bola e propor o jogo. Fez vários elogios ao rival brasileiro e espera uma partida de duas equipe com estilos parecidos.

“Sim, é um rival difícil. Flamengo é uma grande equipe. É um rival complicado porque é uma equipe que joga bem e também tenta propor o jogo como a gente. Nesse tipo de partida, quem mais estiver concentrado e que cometer menos erros fica com o jogo. E creio que estamos preparados para isso”, comentou o colombiano.

Nesta edição da Libertadores, Borré atuou em 10 partidas e marcou dois gols – um deles na vitória por 2 a 0 no jogo de ida das semifinais contra o Boca Juniors, no estádio Monumental de Nuñez. Campeão no ano passado justamente contra o maior rival, o colombiano destaca a confiança do atual grupo e ressalta que a equipe está acostumada a partidas decisivas.

“Confiamos muito no que temos na equipe. No que somos como equipe. Digo a todos do River que fiquem tranquilos. Que confiem nessa equipe, acreditem, essa equipe já demonstrou que veio para desafios grandes. Vamos demonstrar novamente na final”, comentou.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora