Atlético-PR já começa a pensar na final contra colombianos

Se no Campeonato Brasileiro o Atlético Paranaense tem apenas uma vitória como mandante, na Copa Sul-Americana a campanha é totalmente…


Se no Campeonato Brasileiro o Atlético Paranaense tem apenas uma vitória como mandante, na Copa Sul-Americana a campanha é totalmente diferente. O time confirmou a boa fase como visitante no torneio continental ao derrotar o Fluminense por 2 a 0, nesta quarta-feira, e consequentemente carimbar a vaga para a decisão.

O zagueiro Thiago Heleno comemorou a classificação. “Sabemos da responsabilidade de carregar a camisa do Atlético Paranaense. Fizemos uma grande partida, conseguimos nos impor contra o Fluminense e conquistar um grande resultado. Agora é descansar e começar a pensar na final”, comentou.

O Atlético-PR tem quatro vitórias em cinco jogos disputados longe de casa na Sul-Americana. A única derrota ocorreu na primeira fase, para o Newell’s Old Boys, da Argentina, por 2 a 1. No entanto, classificou por ter vencido em casa por 3 a 0. Nas demais partidas, levou a melhor, contra: Peñarol (4 a 1), Caracas (2 a 0), Bahia (1 a 0) e Fluminense (2 a 0).

Com a vaga assegurada, o Atlético-PR aguarda o duelo entre os colombianos Junior Barranquilla e Santa Fe para conhecer seu adversário na decisão da Sul-Americana. O primeiro venceu fora de casa por 2 a 0, podendo assim perder por até um gol de diferença para avançar nesta quinta-feira.

O técnico Tiago Nunes também se mostrou satisfeito e agradeceu a todos. “Fico com o sentimento de satisfação pelo objetivo alcançado, mas ainda temos que focar completamente na decisão. Este título vai ser importante para o clube e depois para todos nós, da comissão técnica e do elenco”, revelou.

Antes da final, porém, o time paranaense tem um compromisso diante do Flamengo, no sábado, às 19h, no Maracanã. O Atlético pode entrar no G6 em caso de vitória, combinado com uma derrota do Atlético-MG para o Botafogo no Independência.

“Temos que aproveitar o momento para comemorar. No sábado temos um jogo importante contra o Flamengo. Queremos conquistar a vaga na Libertadores via Campeonato Brasileiro para depois pensar nos dois jogos da final”, completou Pablo.

O atacante ainda exaltou torcida, que compareceu em peso no Maracanã. “Eles são fantásticos. Sou suspeito para falar, porque tenho 12 anos do Atlético. Tenho grandes amigos lá no meio da torcida. Felicidade enorme. Espero eles na Colômbia, pois fazem a diferença”, concluiu.

Houve muita comemoração ainda no gramado, mas a festa continuou nos vestiários. O técnico Tiago Nunes tentou conter a euforia e adiantou que deve escalar a força máxima diante do Flamengo. Com uma ressalva. “Fizemos um jogo muito duro nesta noite. Vamos avaliar com calma a condição física de todos. Quem tiver condições vai ser escalado”, prometeu.

A delegação vai continuar no Rio e fará um treino regenerativo na tarde desta quinta-feira.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!