Após dar lugar a Jesus no Inglês, Agüero se recupera e volta ao City em semifinal

Depois de dar lugar ao brasileiro Gabriel Jesus no jogo em que o Manchester City venceu o Cardiff por 2…


Depois de dar lugar ao brasileiro Gabriel Jesus no jogo em que o Manchester City venceu o Cardiff por 2 a 0, na última quarta-feira, em casa, e assumiu a liderança do Campeonato Inglês, o atacante Sergio Agüero se recuperou de uma lesão na coxa e foi confirmado nesta sexta pelo técnico Pep Guardiola entre os jogadores relacionados para enfrentar o Brighton, neste sábado, às 13h30 (de Brasília), no estádio de Wembley, em Londres, pela semifinal da Copa da Inglaterra.

O treinador preferiu não confirmar a escalação do argentino como titular, mas revelou que ele “está quase na melhor forma e vai viajar” para atuar na capital inglesa. Na última quarta, sem poder contar com o atleta, o City viu Gabriel Jesus dar uma assistência para o alemão Leroy Sané fazer o segundo gol da vitória sobre o Cardiff.

Agüero teve um desconforto muscular na coxa durante o triunfo sobre o Fulham, também por 2 a 0, no último sábado, fora de casa, pelo Campeonato Inglês, e precisou ser poupado no meio de semana para poder estar em boas condições de encarar o Brighton neste sábado.

Guardiola vem tendo o seu elenco colocado à prova nesta temporada, na qual já conquistou o título da Copa da Liga Inglesa e almeja ganhar mais três taças. Além de estar na luta para faturar a Copa da Inglaterra, a equipe trava uma briga direta com o vice-líder Liverpool no Campeonato Inglês e ainda sonha com o troféu da Liga dos Campeões, na qual enfrentará o Tottenham na próxima terça-feira, em Londres, pelo confronto de ida das quartas de final.

Vítimas desta maratona de confrontos por quatro diferentes competições, os laterais-esquerdos Fabian Delph e Oleksandr Zinchenko, também acostumados a atuar como meio-campistas, estão lesionados. O jogador ucraniano se machucou na vitória sobre o Cardiff na quarta-feira e Guardiola revelou nesta sexta que o atleta só poderá voltar a atuar depois “de 10 a 12 dias” em recuperação.

Com isso, existe a chance de o francês Benjamin Mendy, que volta após superar uma lesão no menisco, ser escalado na lateral esquerda em seu primeiro jogo desde 23 de janeiro. O comandante espanhol, porém, preferiu não confirmar o titular da posição. “Eu quase decidi quem vai jogar”, despistou o treinador.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!