14 de julho de 2024 Atualizado 17:19

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

França é modesta em vitória sobre Macedônia no retorno de Kanté e com Mbappé sendo o destaque

Por Agência Estado

05 de junho de 2024, às 18h55

Sem espetáculo em campo, a França cumpriu bem seu papel de favorita e superou a esforçada Macedônia por “apenas” 3 a 0 nesta quarta-feira, em amistoso disputado em Metz que marcou o retorno do campeão mundial Kanté à seleção após dois anos. Em seu primeiro jogo como reforço do Real Madrid, Mbappé foi um dos destaques, com os principais lances ofensivos passando por seus pés, e com o camisa 10 definindo o placar no fim.

Muitas seleções que estarão nos gramados da Alemanha a partir do dia 14 de junho na Eurocopa optaram por rivais de menos tradição nos amistosos desta Data Fifa para somar bons resultados e aumentar a confiança. Com a França não foi diferente no duelo com Luxemburgo, no qual a expectativa era por goleada.

A ideia do técnico Didier Deschamps era realizar uma grande apresentação no estádio Saint Symphorien. Desta maneira, optou por escalação de seus principais jogadores desde o início, entre eles o capitão e camisa 10 Mbappé, agora do Real Madrid, e o volante Kanté, de volta após dois anos.

E como era esperado, saíram dos pés do astro as principais jogadas diante de um aplicado Luxemburgo, que conseguiu segurar o ímpeto de um dos candidatos ao título da Eurocopa por 42 minutos. Griezmann carimbou a trave logo de cara após receber de Mbappé. Depois de parar em bela defesa do goleiro Moris e de reclamar de um pênalti não anotado, o camisa 10 foi à linha de fundo e cruzou para trás, na cabeça de Muani: 1 a 0.

Com mais velocidade e enorme pressão, a França iniciou no ataque no segundo tempo. E com apenas cinco minutos, Mbappé já teve duas boas chances. Cabeceou para fora a primeira e depois foi travado pelo defensor de Luxemburgo. E voltou a cobrar a marcação de um pênalti após se jogar.

Kanté foi substituído aos 20 da etapa final e recebeu todo o carinho dos torcedores, em caloroso aplauso. Pouco depois, a torcida fez nova festa, desta vez para celebrar mais um gol. Clauss recebeu na entrada da área e mandou forte, a bola bateu no travessão e entrou.

Faltava o gol de Mbappé para coroar a boa apresentação da estrela francesa. E ele veio no fim. Após cruzamento, o atacante se esticou todo para desviar de pé direito, no contrapé do goleiro, e fechar a vitória pouco depois de Luxemburgo acertar uma bola na trave.

Antes da Eurocopa, na qual estará no Grupo D, ao lado de Áustria, Holanda e Polônia, a França ainda faz mais um amistoso em solo nacional. No domingo, encara o Canadá, em Bordeaux.

Outra seleção com enorme expectativa para a Eurocopa, a Bélgica também fez bem o seu papel no seu amistoso desta quarta. Recebeu Montenegro e saiu na frente com De Bruyne, no último minuto da primeira fase. A vitória por 2 a 0 foi definida somente aos 48 do segundo tempo, com pênalti convertido por Trossard.

HAALAND BRILHA, ESLOVÁQUIA GOLEIA
A Noruega não estará na Eurocopa. E os apaixonados por futebol perderão a oportunidade de presenciar os gols do artilheiro Haaland. O astro do Manchester City vai mostrando a boa fase nos amistosos. Nesta quarta-feira, a seleção nórdica fez 3 a 0 no Kosovo, com hat-trick de sua estrela – são 30 gols em 32 jogos defendendo seu país.

O show particular de Haaland começou aos 15 minutos. Após o intervalo, ele ampliou após receber de Nusa. Aos 25 da etapa final, após chutão para frente do goleiro Nyland, Haaland dominou com maestria, tabelou com Donnum e mandou para o gol vazio, fechando o placar.

Com a festa completa no Estádio Ullevaal, em Oslo, já aos 45 minutos da fase final, Haaland foi substituído e aplaudido de pé para a estreia de Schjelderup na seleção norueguesa.

Outra seleção que brilhou foi a Eslováquia. Jogando em seus domínios diante de San Marino, goleou por 4 a 0, gols de Rigo, Suslov, Haraslin e Strelec. A Dinamarca foi mais econômica diante da boa Suécia, mas também celebrou um triunfo, por 2 a 1. Hojbjerg fez 1 a 0, Isak empatou para os visitantes e, na reta final do amistoso, Eriksen definiu.

Publicidade