29 de novembro de 2021 Atualizado 21:30

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

EM NOVEMBRO

Trio de Americana vai representar o País no Pan-Americano de BMX, no Peru

Samuel Pereira, atleta, e Deivlim Balthazar, técnico, estão na elite; Igor do Amaral vai competir na categoria Boys 16

Por Rodrigo Alonso

21 out 2021 às 17:32 • Última atualização 21 out 2021 às 18:41

Três americanenses vão representar o Brasil no Campeonato Pan-Americano de BMX entre os dias 13 e 14 de novembro, em Lima, no Peru. Dois deles vão compor a seleção brasileira elite: Samuel Pereira de Oliveira, de 21 anos, na condição de atleta; e Deivlim Balthazar, 42, como técnico.

O outro representante de Americana, Igor Gabriel do Amaral, de 16 anos, vai disputar a categoria Boys 16 anos. Todos os três fazem parte do ABC (Americana Bicicross Clube).

Deivlim, Igor e Samuel fazem parte do Americana Bicicross Clube – Foto: Ernesto Rodrigues / O Liberal

Samuel e Deivlim foram convocados pela CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo) neste mês. Essa foi a primeira convocação de Samuel, que terminou a temporada 2019 na liderança do ranking brasileiro – no ano passado, por causa da pandemia, não houve ranqueamento.

“Já faz 16 anos que eu corro e está sendo a primeira vez que estou sendo convocado para a seleção brasileira. É sinal que estou fazendo um bom trabalho, que estou tendo bastante resultado positivo. Então, isso me alegrou muito, me pegou até meio de surpresa”, disse.

Deivlim, por sua vez, já tem um histórico de pelo menos dez anos como ciclista da seleção, mas fará sua estreia como técnico da equipe nacional.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

“Eu acredito que é uma oportunidade, e não somente um reconhecimento. Através dela, vou ter de mostrar o meu trabalho, assessorar os atletas lá, porque eu já estive na posição deles e sei exatamente o que eles precisam”, declarou.

Ciclistas e treinador estarão em Lima entre os dias 13 e 14 – Foto: Ernesto Rodrigues / O Liberal

Nos últimos tempos, porém, seu foco estava na área de assessoria técnica, com treinos particulares. Até por isso, ele se surpreendeu com convocação. “Eu estava focado mais na minha empresa e não esperava essa convocação”, afirmou o treinador, que integra a diretoria do ABC.

Despesas
Samuel e Deivlim terão as despesas bancadas pela confederação, diferentemente de Igor, que vai competir por conta própria, sem convocação por parte da CBC. Inclusive, ele tem arrecadado dinheiro por meio de uma vaquinha online.

“Qualquer ajuda, de qualquer pessoa, será muito bem-vinda”, destacou o piloto, que promete buscar o título no evento continental.

“Sei que tenho capacidade para isso. É só manter a cabeça firme, manter os pensamentos positivos”, ressaltou Igor, primeiro colocado do ranking brasileiro da categoria Boys 14 em 2019.

Séries, filmes, games, quadrinhos: conheça o Estúdio 52.

Com sede no Complexo Esportivo Ayrton Senna, que fica perto do Centro Cívico, o ABC voltou com tudo às competições neste semestre, após ter sofrido com a suspensão do calendário devido à pandemia.

O grupo lidera a classificação por equipes no Campeonato Paulista, que já teve duas etapas realizadas – faltam três.

Samuel aparece em primeiro na disputa da classe Elite Men, a principal entre os homens. “A gente conseguiu manter os treinos e evoluir bastante para trazer bons resultados neste ano”, comentou o atleta.

Publicidade