07 de julho de 2022 Atualizado 12:39

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

INDEFINIÇÃO

Sem apoio, participação do União na Bezinha se torna ‘inviável’, diz Clayton

Diretoria do clube barbarense já se reuniu com empresários e aguarda respostas sobre uma possível ajuda

Por Rodrigo Alonso

02 de fevereiro de 2022, às 14h41 • Última atualização em 02 de fevereiro de 2022, às 14h52

O União Barbarense definirá até o próximo dia 11 se vai disputar ou não o Campeonato Paulista Sub-23 Segunda Divisão, a popular Bezinha. No entanto, o diretor de futebol Clayton Vieira avisou nesta quarta-feira (2) que, sem o apoio de empresários, a participação no torneio “se torna inviável”.

“Temos de ter os pés no chão”, afirmou o diretor de futebol – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

Em nota, a diretoria informou que já se reuniu com “vários” empresários e que aguarda respostas sobre uma possível ajuda. Segundo o Leão da 13, uma reunião com o prefeito Rafael Piovezan (PV) deve acontecer nos próximos dias.

“Sem apoio de ninguém, fica difícil de se tocar a equipe. Temos de ter os pés no chão e esperamos contar com o apoio da cidade para que isso ocorra. Caso contrário, se torna inviável disputar o campeonato”, disse Clayton via assessoria de imprensa.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

De acordo com o clube, o dia 11 é o prazo final estipulado pela FPF (Federação Paulista de Futebol) para confirmação de presença na Bezinha, campeonato equivalente à quarta divisão estadual. Em 2021, por razões financeiras, o União já havia ficado fora da competição.

Categorias de base
A diretoria também anunciou que as categorias Sub-15 e Sub-17 seguirão sob o comando do gestor Ricardo Bonvechio nesta temporada. As equipes se reapresentam em 14 de fevereiro.

Juninho Franco continua como treinador do time Sub-15. Por outro lado, a comissão técnica do Sub-17, que chegou à segunda fase do Paulista da categoria em 2021, ainda está indefinida.

Publicidade