14 de agosto de 2020 Atualizado 21:56

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Às urnas

Rio Branco marca eleição para o dia 10

Por enquanto, apenas uma pessoa manifestou interesse em se candidatar: Vinicius Carreon, vice administrativo do clube e gestor da Sede Náutica

Por Rodrigo Alonso

30 nov 2019 às 07:32 • Última atualização 27 abr 2020 às 13:05

As eleições do Rio Branco estão marcadas para 10 de dezembro, a partir das 19h30, no estádio Décio Vitta, em Americana. O edital de convocação foi publicado pelo clube neste sábado (30), no LIBERAL.

O pleito vai definir o próximo presidente e sua diretoria, que vão comandar o Tigre entre 2020 e 2021. Na mesma reunião, haverá a renovação de 50% do Conselho Deliberativo. Os novos conselheiros tomarão posse imediatamente, para um mandato de quatro anos, segundo o estatuto.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Valdir Ribeiro deixará a presidência este ano

Por enquanto, apenas uma pessoa manifestou interesse, publicamente, em se candidatar para o cargo de presidente: Vinicius Carreon, vice-presidente administrativo do Rio Branco e gestor da Sede Náutica.

Caso haja somente um candidato, a eleição será por aclamação. Se houver dois ou mais, os votos serão secretos. A participação é restringida a associados maiores de 18 anos, admitidos há pelo menos 12 meses e que estejam em dia com as mensalidades.

Paralelamente, o Rio Branco tenta registrar em cartório as atas atrasadas das últimas três eleições. O problema pode impedir que o próximo presidente assuma oficialmente o posto.

Devido a esse imbróglio, o atual mandatário, Valdir Ribeiro, não está regularizado na presidência. Em janeiro deste ano, após uma ação movida pelo clube, a Justiça de Americana concedeu a Valdir o título de administrador provisório, para que ele pudesse representar o Tigre de forma oficial.

Agora, a diretoria busca uma solução junto ao cartório americanense, para que tudo fique em ordem e o novo presidente não passe pelas mesmas dificuldades.