12 de maio de 2021 Atualizado 22:10

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Objetivo Tóquio

Murilo Sartori busca vaga nos Jogos Olímpicos a partir desta segunda-feira

Nadador de Americana participa da Seletiva Olímpica Brasileira em três provas

Por Rodrigo Alonso

18 abr 2021 às 08:47 • Última atualização 18 abr 2021 às 08:48

Nadador americanense Murilo Sartori busca vaga nos Jogos Olímpicos a partir desta segunda-feira – Foto: Satiro Sodré / SSPres / CBDA

“Agora, é colocar todo o trabalho de todos os anos em prática”. É dessa forma que o nadador americanense Murilo Sartori, de 18 anos, vai encarar a Seletiva Olímpica Brasileira a partir desta segunda-feira (19), no Rio de Janeiro.

A competição acontece até sexta, no Parque Aquático Maria Lenk. Dois veículos vão transmitir o evento pela internet: a TV CBDA e o Canal Olímpico do Brasil. Também haverá transmissão pela TV, por meio da BandSports.

O atleta da Natação Americana competirá em três provas: os 400 metros livre, na segunda; os 200 m livre, na terça; e os 100 m livre, na quinta. “O objetivo maior é estar no time que vai para as Olimpíadas. Esse é o meu grande sonho desde quando comecei a nadar”, afirmou.

Murilo passou a focar nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020, mas viu seus planos serem adiados por conta da pandemia.

O evento e a seletiva estavam marcados, a princípio, para o ano passado. Já no início daquela temporada, o americanense havia dito que seu maior objetivo era a classificação para as Olimpíadas. Porém, o coronavírus (Covid-19) empurrou toda a programação para 2021.

Esse período, no entanto, permitiu que Murilo adquirisse experiência na seleção brasileira adulta, com direito a uma medalha de ouro no Sul-Americano realizado em março, na Argentina.

Com ainda mais conteúdo no currículo, o americanense pinta como concorrente direto a uma vaga nos Jogos de Tóquio, no Japão.

“Uma coisa que eu falo muito para ele é que ele não tem nada a perder. Dentre os favoritos, entre aspas, da prova, ele é o mais novo. Ele tem um futuro ainda grande pela frente”, disse o treinador do atleta, Fabio Cremonez.

Nesta reta final de preparação para a seletiva, Murilo passou duas semanas em treinamento no local do torneio. “Acredito que o Murilo está muito bem preparado, tanto física quanto psicologicamente”, comentou o técnico.

No mês passado, Murilo faturou a medalha de ouro nos 400 metros, no Sul-Americano disputado na Argentina – Foto: Satiro Sodré / SSPres / CBDA

Classificação
O americanense vai brigar por classificação tanto para as provas individuais como para as de revezamento. Ele se qualificará para as disputas individuais caso fique entre os dois primeiros colocados e atinja o índice, que é 48s57 nos 100 m, 1min47s02 nos 200 m e 3min46s78 nos 400 m. Hoje, os recordes pessoais de Murilo são 49s78 nos 100 m, 1min47s39 nos 200 m e 3min49s77 nos 400 m.

Para ter vaga no revezamento, basta o nadador ficar entre os quatro melhores nos 100 m, no caso do 4×100 m livre, e nos 200 m, no caso dos 4×200 m livre, independente do tempo. Se for campeão nos 100 m, ele também vai integrar o quarteto dos 4×100 m medley.

No entanto, há um “asterisco”. Nadadores com Covid-19 poderão fazer uma tomada de tempo em 12 de junho, também no Maria Lenk, o que pode afetar os resultados desta semana.

Por exemplo: se Murilo obtiver a quarta colocação nos 100 ou nos 200 m e algum atleta consiga uma marca melhor que a dele nesse evento de junho, o americanense perderá sua vaga. Contudo, caso nenhum concorrente se ausente da seletiva desta semana, não haverá esse risco.

Programação de Murilo na Seletiva:

Segunda-feira (19/04)
9h41 Eliminatórias dos 400 m livre
18h59 Final dos 400 m livre (em caso de classificação)

Terça-feira (20/04)
9h33 Eliminatórias dos 200 m livre
18h43 Final dos 200 m livre (em caso de classificação)

Quinta-feira (22/04)
9h30 Eliminatórias dos 100 m livre
18h58 Final dos 100 m livre (em caso de classificação)

Publicidade