12 de junho de 2021 Atualizado 11:06

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

3º COLOCADO

Lutador de Santa Bárbara conquista o bronze no Brasileiro de Wrestling

Luciano Raimundo Fernandes, de 46 anos, obteve o resultado no estilo greco-romano, na categoria até 82 kg, no Rio de Janeiro

Por Rodrigo Alonso

16 mar 2021 às 15:15 • Última atualização 16 mar 2021 às 16:41

O lutador Luciano Raimundo Fernandes, de Santa Bárbara d’Oeste, conquistou medalha de bronze no Campeonato Brasileiro de Wrestling, no Rio de Janeiro, no último domingo (14). Ele obteve o resultado no estilo greco-romano, em que não se pode aplicar golpes com as pernas.

Luciano competiu na categoria até 82 kg. O atleta de 46 anos, que representa a Seme (Secretaria Municipal de Esportes), realizou três combates, com duas vitórias e uma derrota.

Nascido em Americana, Luciano treina e dá aulas na Prefeitura de Santa Bárbara – Foto: Divulgação

“Pelo treinamento que eu venho fazendo, o resultado foi excelente, porque, além do pessoal da seleção, estava o pessoal das Forças Armadas, do Exército, da Marinha. Esse pessoal treina oito horas por dia, enquanto eu treino duas, duas horas e meia”, disse.

Essa foi a primeira competição disputada por ele desde o início da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Luciano também lutou no estilo livre, mas caiu logo na primeira rodada. O evento aconteceu na Vila Olímpica Nilton Santos.

Atleta subiu ao pódio após duas vitórias e uma derrota – Foto: Confederação Brasileira de Wrestling

Nascido em Americana, o lutador treina e dá aulas na Seme. Porém, em razão da pandemia, a sede das atividades está fechada. Então, ele tem se preparado apenas na academia Marquinhos Barbarian Jiu-Jitsu, também em Santa Bárbara, onde mora há 20 anos.

“Eu também faço jiu para complementar e sou faixa-preta de judô também. Tenho uma parceria com eles e treino ali para poder evoluir. Se não fosse a parceria com eles de treinamento, não dava nem para participar desse campeonato, porque o nível é altíssimo”, afirmou.

O atleta ainda agradeceu o apoio da Seme, que bancou sua inscrição no Brasileiro, e do Fundo Social de Solidariedade, que viabilizou o transporte. Luciano contou que seu próximo compromisso será o Brasileiro Máster, ainda sem data e local definidos.

Publicidade