27 de maio de 2022 Atualizado 08:22

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

NOVA CASA

Guarani começa a treinar no Décio Vitta nesta semana

Sem liberação em Campinas, Bugre decidiu recorrer a Americana e obteve permissão tanto do Rio Branco quanto da prefeitura

Por Rodrigo Alonso

16 Junho 2020, às 21h40 • Última atualização 17 Junho 2020, às 08h06

O Guarani começará a treinar no estádio Décio Vitta, em Americana, nesta semana. A informação foi divulgada pelo clube nesta terça-feira. Em Campinas, a administração municipal ainda não libera a realização de treinamentos, devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Prefeito Omar se reuniu com o presidente do Guarani nesta terça – Foto: Divulgação

Dessa forma, o Bugre decidiu recorrer a Americana. O presidente Ricardo Miguel Moisés esteve na cidade nesta terça, quando pediu e obteve permissão tanto do Rio Branco quanto da prefeitura.

Em nota, o Guarani agradeceu a recepção do presidente do Tigre, Gilson Bonaldo, e do prefeito Omar Najar (MDB). “A diretoria do Guarani foi muito bem recebida pelo município de Americana”, diz o texto.

O Bugre disputa o Campeonato Paulista da Série A1, que acabou interrompido por causa da pandemia e ainda não tem data para retorno. As atividades do clube, neste momento, também estão suspensas.

Em entrevista ao LIBERAL, o presidente do Rio Branco afirmou que a agremiação está de portas abertas para o Guarani. “Nós somos parceiros do Guarani há muito tempo”, comentou.

De acordo com Gilson, o time campineiro vai usar somente o gramado. Não haverá, por exemplo, utilização dos vestiários. E o Bugre ainda vai auxiliar na manutenção do campo.

Em publicação nas redes sociais, Omar afirmou que a prefeitura não tem objeções quanto à realização dos treinos do Guarani em Americana, “desde que as normas de segurança da pandemia estejam garantidas”.

O clube campineiro entregou à prefeitura um protocolo com medidas preventivas contra a disseminação da Covid-19. Uma das normas prevê que, ao se apresentar para os treinamentos, todos já devem estar uniformizados. O Bugre não permitirá troca de roupa nos vestiários.

A retomada dos treinos também será gradual. Na primeira semana, as atividades serão individualizadas. E, na segunda, os jogadores treinarão em grupos de até seis pessoas. Os treinamentos coletivos só vão acontecer a partir da terceira semana.

Atletas, integrantes da comissão técnica e demais funcionários passaram por teste para o novo coronavírus no último dia 9, e todos os resultados deram negativo, conforme o Guarani anunciou nesta terça.

Campinas soma 4.392 casos da doença, com 164 mortes. Só nesta terça, o município registrou 404 contaminações e 15 óbitos.

Publicidade