25 de julho de 2021 Atualizado 19:38

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

ATLETISMO

Felipe Bardi conquista a prata nos 4×100 m rasos do Troféu Brasil

Velocista americanense, que já tinha sido vice-campeão nos 100 m, voltou a subir ao pódio, desta vez no revezamento

Por Rodrigo Alonso

14 jun 2021 às 17:20 • Última atualização 30 jun 2021 às 17:55

Após a segunda colocação nos 100 metros rasos, o velocista americanense Felipe Bardi conquistou, no último sábado (12), mais uma medalha de prata no Troféu Brasil Loterias Caixa de Atletismo, desta vez no revezamento 4×100 m. O evento aconteceu em São Paulo, no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa.

Atleta de 22 anos correu em parceria com seus companheiros de Sesi – Foto: Wagner Carmo / CBAt

Representante da equipe Sesi São Paulo, Bardi revezou com Adrian Henrique Dias Vieira, Lucas Conceição Vilar e Erik Felipe Barbosa Cardoso. O quarteto fez o tempo de 39s70.

O campeão foi o Pinheiros, com 39s41. A equipe vencedora esteve representada pelos velocistas Lucas Marcelino dos Santos, Jorge Henrique Costa Vides, Derick de Souza Silva e Paulo André Camilo de Oliveira. A UCA (União Catarinense de Atletismo) completou o pódio com 40s64.

No sábado, Bardi também disputaria as eliminatórias dos 200 m rasos. Mas, por fim, ele decidiu se poupar.

No dia anterior, o americanense tinha dito ao LIBERAL que estava com um incômodo na parte posterior da coxa e que, portanto, iria avaliar sua participação na prova. Nesta segunda, ele contou que tratava-se apenas de uma fadiga muscular. “Não foi nada. Foi mais o cansaço mesmo”, disse.

Ao todo, o atleta de 22 anos somou duas pratas nesta edição do Troféu Brasil, que terminou no domingo. Ele faturou a primeira medalha na última sexta-feira, nos 100 m.

Publicidade