05 de março de 2021 Atualizado 19:59

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Dinamarca bate Suécia e vence o Mundial Masculino de Handebol

Por Agência Estado

31 jan 2021 às 21:33 • Última atualização 01 fev 2021 às 20:03

A Dinamarca é bicampeã mundial de handebol masculino. A seleção dinamarquesa derrotou a equipe da Suécia neste domingo, por 26 a 24, na final realizada no Cairo, Egito.

É o segundo título seguido dos dinamarqueses, que venceram em casa a última edição do campeonato, em 2019. Eles são a quarta seleção a ganhar dois títulos mundiais consecutivos na história da competição. O feito foi realizado anteriormente por Suécia (1954-1958), Romênia (1961-1964 e 1970-1974), e França (2009-2011 e 2015-2017). A Dinamarca é também atual campeã olímpica na modalidade, com o ouro conquistado no Rio em 2016.

A partida foi marcada pela boa atuação do goleiro dinamarquês Niklas Landin, que fez ao todo 15 defesas. “Fomos disciplinados e não tivemos muitas ocasiões em que jogamos a bola fora e fomos punidos por isso”, disse o atleta de 32 anos à televisão dinamarquesa. “Isso é o que os suecos têm feito ao longo do torneio, e nós tiramos isso deles. E então lutamos como um time. Em geral, foi um esforço em equipe fantástico.”

O armador esquerdo Mikkel Hansen, astro do time, marcou sete gols e recebeu pela segunda vez o prêmio de melhor jogador do campeonato.

Mais cedo, no domingo, a seleção da Espanha conquistou a medalha de bronze, ao derrotar a França por 35 a 29.

O Mundial de Handebol deste ano foi realizado a portas fechadas, por conta da pandemia da covid-19. A edição de 2023 do torneio será co-organizada por Suécia e Polônia.

Publicidade