06 de agosto de 2020 Atualizado 09:33

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Futebol

Brigatti deve apostar na base para Ponte surpreender Afogados na Copa do Brasil

Por Agência Estado

11 mar 2020 às 17:34 • Última atualização 27 abr 2020 às 12:01

Após aguardar pela oportunidade no banco de reservas, Alisson estreou oficialmente com a camisa da Ponte Preta em revés diante do Red Bull Bragantino, na última segunda-feira. O zagueiro atuou ao lado de Henrique Trevisan, mas não conseguiu evitar novo tropeço no Campeonato Paulista, competição na qual o clube campineiro amarga a zona de rebaixamento.

Apesar da pressão no Estadual e da proximidade do Dérbi 196, a Ponte vira a chave e foca na Copa do Brasil, onde enfrenta o Afogados da Ingazeira, nesta quinta-feira, no jogo de ida da terceira fase.

“Sinceramente, estamos focados no jogo de quinta. O jogo de segunda é outro campeonato. Nós temos de fazer um grande jogo na quinta, até para trazer a torcida de volta pra gente. Precisamos desse resultado e sabemos disso”, declarou Alisson, em entrevista coletiva.

“A Copa do Brasil é uma competição à parte. Vamos fazer grande jogo, se Deus quiser. Sei que o Afogados é uma grande equipe de ser vencida. Vamos estudar para estar preparado. Vamos jogar em casa e buscar um resultado positivo. É fazer bom resultado aqui para chegar lá e tentar segurar”, emendou.

Apesar das críticas públicas de imprensa e torcida pelo péssimo desempenho apresentado pela Ponte na temporada, Alisson defende o elenco e garante enxergar evolução nos últimos jogos, especialmente sob comando de João Brigatti.

“Eu vou ter que discordar. Eu acho que a equipe evoluiu, sim. Você vê dentro de campo que estamos mais aguerridos e buscando mais o jogo. Infelizmente, como falei, o resultado não está vindo. Vamos procurar ver o que está acontecendo para consertar esses erros”, pontuou.

“O time está disputando mais bolas e mais aguerrido. Estamos ficando mais com ela e tocando mais a bola. São alguns detalhes e vamos procurar consertar”, finalizou.

Após despachar Novo Hamburgo e Vila Nova, nos pênaltis, a Ponte Preta já embolsou R$ 2,15 milhões em premiação na Copa do Brasil. Se superar o Afogados e avançar à quarta etapa do mata-mata, time campineiro recebe mais R$ 2 milhões.

Sem suspensos, João Brigatti pode manter a mesma base do jogo passado para enfrentar o Afogados. Há, porém, a possibilidade de alterações pontuais, como a entrada de Alisson Safira, embalado pelo primeiro gol, no setor ofensivo.

Uma provável escalação tem: Ivan; Dawhan, Alisson, Henrique Trevisan e Yuri; Danrley, Bruno Reis e João Paulo; Felipe Saraiva, Bruno Rodrigues (Alisson Safira) e Roger.