19 de julho de 2024 Atualizado 18:20

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Bolasie marca, Criciúma bate o Cruzeiro e se afasta dos últimos lugares do Brasileirão

Por Agência Estado

03 de julho de 2024, às 23h54

O Criciúma segue fazendo o dever de casa para se manter longe da zona de rebaixamento do Brasileirão. Nesta quarta-feira, pela 14ª rodada, o time catarinense contou com gol do congolês Bolasie para vencer o Cruzeiro, por 1 a 0, no estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC).

Com o resultado, o Criciúma dorme na 12ª colocação, com 16 pontos, dentro da zona de classificação para a Copa Sul-Americana. Já o Cruzeiro conheceu sua segunda derrota seguida, saindo do G-6 e aparecendo em oitavo, com 20 pontos. Na rodada anterior tinha perdido fora para o Flamengo por 2 a 1.

Mesmo fora de casa, o Cruzeiro teve amplo domínio da primeira etapa. Com mais posse de bola e volume ofensivo, o time mineiro tinha em Matheus Pereira como ‘o motor’ no ataque. O atacante serviu Arthur Gomes, que bateu em cima do goleiro Gustavo.

Com uma postura defensiva, o Criciúma foi tímido quando esteve com a bola. A única chance saiu em belo lance individual de Bolasie, que obrigou Anderson a espalmar. Mesmo frequentando a área adversária, o Cruzeiro não conseguiu traduzir em gol as suas chances. Na reta final, Lucas Silva bateu cruzado e Gustavo fez grande defesa.

Na volta do intervalo, no primeiro ataque, o Criciúma foi efetivo. Após cruzamento, a bola sobrou na área e Claudinho cruzou rasteiro para Bolasie empurrar para as redes, com 28 segundos. O congolês quase fez o segundo gol minutos depois, em chute de longe, defendido por Anderson.

Com o passar do tempo, o Criciúma já começou a diminuir a intensidade, contendo os avanços do Cruzeiro, que se lançou ao ataque. Vitinho recebeu em velocidade e acertou o travessão. Vendo o rival crescer, os donos da casa seguraram a bola no ataque, ficando mais próximos de matar o jogo, do que sofrer o empate.

Nos acréscimos, Allano tomou dois amarelos na sequência e acabou expulso, mas nada que comprometesse a vitória do time da casa, muito festejado por sua torcida.

O Cruzeiro volta a campo no domingo, às 16 horas, quando recebe o Corinthians, no Mineirão. Mais tarde, às 18h30, o Criciúma visita o Vitória, no Barradão.

FICHA TÉCNICA

CRICIÚMA 1 X 0 CRUZEIRO

CRICIÚMA – Gustavo; Claudinho (Higor Meritão), Wallison Maia, Rodrigo e Trauco; Barreto, Ronald Lopes (Fellipe Matheus), Matheusinho (Newton) e Marcelo Hermes; Eder (Arthur Caique) e Bolasie (Allano). Técnico: Cláudio Tencatti.

CRUZEIRO – Anderson; Palacios (Arthur Viana), Zé Ivaldo, João Marcelo e Kaiki Bruno (Matheus Vital); Lucas Romero, Lucas Silva (Vitinho) e Ramiro (Barreal); Matheus Pereira, Gabriel Veron e Arthur Gomes (Robert). Técnico: Fernando Seabra.

GOL – Bolasie, um minuto do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Matheusinho (Criciúma); Zé Ivaldo e João Marcelo (Cruzeiro).

CARTÃO VERMELHO – Allano (Criciúma).

ÁRBITRO – João Vitor Gobi (SP).

RENDA – R$ 490.140,00.

PÚBLICO – 12.352 torcedores.

LOCAL – Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC).

Publicidade