25 de setembro de 2020 Atualizado 22:01

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Esporte

Bayern goleia Chelsea e encara Barcelona nas quartas da Liga dos Campeões

Por Agência Estado

08 ago 2020 às 18:02 • Última atualização 08 ago 2020 às 19:04

O Bayern de Munique voltou a mostrar sua superioridade neste sábado ao impor nova derrota sobre o Chelsea, desta vez com uma goleada de 4 a 1, na Alemanha. Com placar agregado de 7 a 1, os alemães avançaram às quartas de final da Liga dos Campeões, em dia inspirado de Robert Lewandowski.

O adversário do Bayern nas quartas será o Barcelona, que despachou o Napoli também neste sábado. O duelo está marcado para o dia 14, em Lisboa, sede da reta final da competição – os confrontos a partir de agora serão decididos em jogo único.

Lewandowski foi o grande nome da partida disputada em Munique. O atacante polonês marcou dois gols e registrou ainda duas assistências, participando de todos os gols e sendo decisivo na partida.

Exibindo tranquilidade, após vencer o jogo de ida por 3 a 0, o Bayern não teve problemas para voltar a dominar o Chelsea, do técnico Frank Lampard. O time da casa abriu o placar logo aos oito minutos, quando o goleiro Caballero fez falta em Lewandowski dentro da área. No pênalti, o mesmo atacante bateu no canto e não perdoou.

O segundo gol também teve participação decisiva de Lewandowski. Aos 23, o Chelsea falhou na saída de bola e o atacante foi rápido ao dominar na entrada da área e acionar Perisic, que bateu para as redes, sem qualquer marcação. Quatro minutos depois, o Chelsea chegou a comemorar gol. Mas o chute certeiro de Hudson-Odoi foi anulado por impedimento.

Mesmo exibindo atuação irregular, o time inglês acabou descontando antes do intervalo. Aos 43, o brasileiro Emerson Palmieri escapou pela esquerda e cruzou rasteiro na área. Neuer se esticou para interceptar, mas entregou a bola nos pés de Tammy Abraham, que só empurrou para as redes.

No segundo tempo, o Chelsea pareceu desistir do jogo e o Bayern comandou as ações com facilidade. Neste ritmo, chegou ao terceiro gol aos 31 minutos, com Corentin Tolisso, diante da chamativa fragilidade da marcação dos visitantes. Lewandowski foi o responsável pela assistência, em cruzamento da esquerda.

O quarto gol veio aos 38. Em noite inspirada, Lewandowski anotou mais um. Javi Martínez, que acabara de entrar, cruzou com precisão para o atacante mandar para o gol de cabeça. Foi o seu 13º gol nesta Liga dos Campeões, artilheiro disparado da competição até agora.

Publicidade