Golden State confirma o primeiro jogo da NBA sem torcida por causa do coronavírus


A NBA terá o primeiro jogo sem torcida por causa do avanço do COVID-19, cujo alastramento já foi considerado como uma pandemia. O Golden State Warriors anunciou que vai enfrentar o Brooklyn Nets com o Chase Center fechado ao público, nesta quinta-feira, pela temporada regular.

A medida da franquia foi tomada poucas horas depois da prefeita da cidade de São Francisco, London Breed, proibir eventos com mais de 1.000 pessoas em todo o município e condado.

“Devido às crescentes preocupações sobre o avanço do coronavírus, o jogo de amanhã (quinta-feira) à noite contra os Nets no Chase Center será realizada sem os fãs. Torcedores com ingressos para essa partida vão receber um reembolso pela quantia paga”, informou o Golden State, em publicação no Twitter.

A proibição, por enquanto, vale até o dia 21 de março. Por enquanto, apenas o jogo com o Brooklyn Nets foi afetado. O próximo compromisso do Golden State Warriors em seu ginásio será apenas em 25 de março, contra o Atlanta Hawks. A equipe faz cinco partidas como visitantes na sequência.

“Continuaremos a monitorar essa situação de perto para determinar os próximos passos para jogos e eventos futuros. Agradecemos a compreensão e paciência de nossos fãs durante este período sem precedentes”, publicou o Golden State.

A NBA já havia tomado algumas medidas para evitar que jogadores, membros de comissão técnica, funcionários e torcedores fossem infectados pelo vírus. A liga fez um plano de prevenção ao coronavírus, que incluía jogos sem torcida, e enviou para os 30 times. Médicos e técnicos ainda participaram de uma teleconferência sobre o tema.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora