EUA batem Grécia e complicam situação do Brasil no Mundial

Se a República Tcheca vencer a Grécia e o Brasil ganhar dos EUA, a classificação para as quartas de final será decidida no saldo de pontos


Os Estados Unidos derrotaram a Grécia, por 69 a 53, em jogo do Grupo K da segunda fase do Mundial Masculino de Basquete, neste sábado, na China. O resultado complicou a situação da seleção brasileira, que terá de vencer os norte-americanos, segunda-feira, às 9h30 (de Brasília) e torcer por uma vitória grega contra a República Checa.

Se a República Tcheca vencer a Grécia e o Brasil ganhar dos EUA, a classificação para as quartas de final será decidida no saldo de pontos.

Foto: FIBA / Divulgação
O resultado complicou a situação da seleção brasileira, que terá de vencer os norte-americanos

A Grécia só conseguiu equilibrar o jogo com os norte-americanos, que não levaram os principais astros da NBA, no primeiro quarto, quando perdeu por 19 a 17. No segundo quarto, os EUA apertaram a marcação e abriram a vantagem para 38 a 25.

No segundo tempo, os Estados Unidos, treinados por Gregg Popovich, utilizaram o bom banco de reservas para manter o ritmo e seguirem invictos na competição.

Giannis Antetokounmpo, melhor jogador da NBA na última temporada, anotou 15 pontos e agarrou 13 rebotes para a seleção grega. Nos Estados Unidos, o destaque foi o armador Kemba Walker, com 15 pontos.

O Mundial dá sete vagas para a Olimpíada de Tóquio-2020. Apenas a Austrália já garantiu seu lugar, como melhor seleção da Oceania, ao se classificar para as quartas de final.

Os dois melhores europeus, os dois primeiros das Américas, o melhor africano e o asiático também garantirão vaga olímpica. Os países que não conquistarem vaga terão uma última oportunidade no pré-olímpico mundial do ano que vem.

Outros resultados deste sábado: Turquia 79 x 74 Montenegro, França 78 x 75 Lituânia e Alemanha 89 x 78 Senegal.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora