Enxuta, Liga de Basquete Feminino começa no Dia da Mulher e com Sampaio favorito


Com oito equipes, duas a menos em relação ao ano passado e o menor número desde a temporada 2016/2017, a Liga de Basquete Feminino começa neste domingo, Dia Internacional da Mulher, com o jogo entre Ituano e Santo André, às 15 horas, em Itu. Atual campeão, o Sampaio Corrêa, do Maranhão, desponta como principal favorito para conquistar o bicampeonato.

A diminuição no número de participantes ocorreu pela saída da Uninassau/Cabo de Santo Agostinho-PE e do Instituto Brazolin/São Bernardo-SP. Além disso, os dirigentes da LBF reprovaram os pedidos de Mogi das Cruzes e do Bahia LND. Catanduva-SP optou por desistir de apresentar sua candidatura.

A maior concentração de participantes está em São Paulo, com cinco equipes (62,5% do total). Santa Catarina, Maranhão e Rio de Janeiro são os outros Estados representados na LBF. As equipes são: Blumenau-SC, Ituano Basquete-SP, Pró-Esporte/Sorocaba-SP, Sampaio Basquete-MA, Santo André/Apaba/ Caoa Chery-SP, Sesi Araraquara-SP, Sodiê Doces/LSB RJ e Vera Cruz Campinas-SP.

A partida de abertura terá transmissão da TV Cultura, que foi anunciada na última sexta-feira como parceira da LBF. A emissora vai exibir um jogo, sempre aos domingos, às 15 horas. A temporada, que termina em 31 de agosto, terá 100% de suas partidas transmitidas pela LBF Live, plataforma exclusiva do torneio gerenciada pela TV Nsports.

“Nosso acordo com a TV Cultura potencializará a visibilidade e o crescimento da modalidade e segue o esforço realizado pela LBF nos últimos dois anos, quando a liga passou a ter 100% de jogos transmitidos, entre televisão e internet”, afirmou o presidente da LBF, Ricardo Molina.

A LBF fechou ainda uma parceria com a GOL Linhas Aéreas, que terá exclusividade na emissão das passagens aéreas para os times, além de ter sua logomarca presente nos garrafões de todas as quadras da competição e na premiação da MVP de cada jogo, que passa a se chamar Troféu GOL Melhor Jogadora da Partida. A principal pendência é o patrocinador master. O contrato com a Caixa Econômica Federal está perto do fim e, por enquanto, não foi renovado.

Em quadra, o Sampaio Corrêa desponta como favorito. A equipe maranhense contratou o técnico Virgil López, auxiliar de José Neto na seleção brasileira feminina, e montou um elenco muito forte, com jogadoras como Raphaella Monteiro, Tainá Paixão, Tati Pacheco e Gil Justino, além da argentina Meli Gretter, duas vezes campeã da LBF e MVP das finais de 2018. A pivô Érika Souza se apresenta em maio, após o fim da temporada na Espanha.

“É uma equipe com grande potencial e uma torcida maravilhosa. Os treinos têm sido bem feitos, com boa intensidade. Claro que qualquer atleta quer o título, mas sabemos que é preciso dar um passo de cada vez, pensar uma partida por vez, para ver como o campeonato se desenrola”, afirmou Meli Gretter. “O Sampaio formou um belo time. Estou feliz e satisfeita”, reforçou Gil Justino.

Vice-campeão no ano passado, o Vera Cruz espera fazer frente para o Sampaio. “Não é fácil fazer uma projeção sobre até onde podemos ir, mas tenho certeza que todo o elenco está comprometido para chegar o mais longe possível. Nós sabemos que o nível de competição é alto e que existem muitas equipes boas, mas com os pés no chão, focadas no nosso trabalho, podemos colher bons frutos”, comentou Patty Teixeira, um dos destaques da equipe do técnico Élcio Ortiz.

Ituano e Santo André, que se enfrentam no jogo de abertura, sabem o tamanho da dificuldades que terão pela frente na competição. Começar com um triunfo pode ser determinante para um bom posicionamento para os playoffs. As jogadoras também destacam o fato de o torneio começar no Dia da Mulher.

“A vitória é importantíssima nesse começo de campeonato, ainda mais num dia muito especial, que simboliza a força e a determinação da mulher. Somos guerreiras todos os dias e que sejamos reconhecidas, amadas e respeitadas. Hoje, o espetáculo é nosso”, afirmou Patrícia Ferreira, do Ituano, que é comandado pelo experiente técnico Antônio Carlos Barbosa.

“Estou bem feliz por poder iniciar jogando nesta data importante. E, como sempre estou ansiosa e cheia de energia para essa edição da LBF, venho treinando bastante e correndo atrás do melhor para começar bem e fazer uma ótima competição”, disse Letícia Rodrigues, do Santo André, da técnica Arilza Coraça.

As oito equipes se enfrentam em turno e returno na temporada regular para definir o posicionamento para os playoffs. Nas quartas de final serão quatro confrontos em séries melhores de três partidas (1ºx8º; 2ºx7º; 3ºx6º e 4ºx5º), com vantagem de quadra para os times de melhor campanha. A fase seguinte, semifinal, também acontecerá em uma melhor de três jogos. A decisão será em uma melhor de cinco partidas.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora