Conjunto de características atrai empresas

Boa localização e potencial empreendedor são as principais características para atrair novas empresas ao município


Foto: Divulgação
Com ampla área territorial e características atraentes, como localização próxima de rodovias importantes, o município atrai novas empresas

A economia é dinâmica e em Santa Bárbara não é diferente. Com ampla área territorial e características atraentes, como localização próxima de rodovias importantes, o município atrai novas empresas e diversifica o seu polo econômico. É o novo dividindo espaço com o tradicional. São empreendedores que chegam após verem na cidade um potencial mercado para crescerem e outros que já se consolidaram na cidade, gerando empregos e arrecadação.

Foto: João Carlos Nascimento - O Liberal
“Localização de Santa Bárbara foi vital para que a cidade recebesse o projeto”, informa Eryvelton Baldin

Impulso educacional

A FAM (Faculdade de Americana) é um dos empreendedores que escolheram Santa Bárbara para projetos de expansão. A instituição de ensino está implantando um polo educacional no município, na região próxima ao bairro Santa Rita. O prédio possui 24 mil metros quadrados e abrigará inicialmente cinco cursos de nível superior. Um deles será o de administração de empresas e os outros quatro na área de tecnologia. A localização de Santa Bárbara, próxima a Piracicaba e Limeira, foi um dos pontos considerados pela FAM ao escolher o município para o seu projeto de expansão. “Cerca de 25% dos nossos estudantes já são de Santa Bárbara. Além disso, queremos absorver também alunos de Piracicaba e Limeira e dentro dessa estratégia a localização de Santa Bárbara foi vital para que a cidade recebesse o projeto”, informa Eryvelton Baldin gerente comercial e de marketing da instituição e coordenador do curso de administração.

Segundo ele, a unidade barbarense da faculdade espera atender inicialmente 1.500 alunos. O processo de aprovação para a abertura dos cursos está no MEC (Ministério da Educação) e a expectativa é de que até a metade do próximo ano eles estejam liberados e entrem em funcionamento no segundo semestre de 2019 ou no início de 2020.

Foto: Divulgação
Elias Oliveira, gestor institucional da unidade de negócio Sabará Químicos e Ingredientes, pertencente ao grupo

Chegar é fácil

A localização estratégica de Santa Bárbara também foi determinante para atrair o Grupo Sabará, especializado no desenvolvimento de tecnologias, soluções e matérias-primas de alta performance. Em 1996, a empresa estava em busca de algumas áreas na região para instalar sua unidade e encontrou na cidade o espaço que ocupa atualmente. “O ponto principal para termos escolhido Santa Bárbara d’Oeste é que a região está localizada no centro do estado de São Paulo, com acesso fácil a várias rodovias para o escoamento de nossos produtos, ou seja, logisticamente é muito interessante”, diz Elias Oliveira, gestor institucional da unidade de negócio Sabará Químicos e Ingredientes, pertencente ao grupo.

No início, a área era alugada. Com o passar do tempo, o grupo acabou adquirindo o espaço e investiu para crescimento dos negócios. O gestor destaca que além da localização estratégica, a estrutura oferecida por Santa Bárbara também contribuiu para a instalação da unidade no município. “Santa Bárbara possuí estrutura suficiente para atender às necessidades de implantação dos negócios em São Paulo e também é uma cidade acolhedora, que vem crescendo ano a ano e, ultimamente, tem investido fortemente em infraestrutura, o que nos dá tranquilidade em continuar apostando na região”.

Agindo em várias frentes

A tradição de Santa Bárbara no ramo de máquinas-ferramenta é outra característica barbarense que que impulsiona o surgimento de empresas na cidade. Lucas Francisco dos Santos Perez, gerente da CNC Service, informa que a empresa nasceu na cidade, onde atua desde 1989 nessa área. São várias frentes de atuação. Uma delas é na qualificação da mão de obra no setor. A empresa fabrica máquinas compactas para a formação de profissionais. “Produzimos para universidades e escolas técnicas, fomentando a formação de novos profissionais nesse setor”.

Diretor da Ciesp destaca o potencial da cidade

Foto: Marcelo Rocha - O Liberal
Nivaldo José da Silva, diretor da regional do Ciesp de Santa Bárbara

Na avaliação de Nivaldo José da Silva, diretor da regional do Ciesp (Confederação das Indústrias do Estado de São Paulo) de Santa Bárbara, o município oferece grande potencial para atrair empreendedores. “A cidade é receptiva a novas empresas e as expectativas para os próximos anos são muito boas nesse campo”.

O diretor da Ciesp acredita que a abertura de novos loteamentos industriais na cidade está ajudando a atrair indústrias para o município. A infraestrutura oferecida é outro detalhe que chama a atenção dos empreendedores. “O município tem potencial. Além da terra farta, as empresas também analisam pontos como malha viária, sistema de água e esgoto, existência de creches e escolas. E isso o município tem a oferecer”.

Nivaldo destaca também que a cidade possui uma incubadora de empresas que incentiva novos empreendedores. Ela acontece através de parceria da Ciesp com o Sebrai, Prefeitura e Unimep. “A incubadora funciona muito bem e promove o nascimento de futuras empresas”.

A regional barbarense da Ciesp conta com 115 empresas associadas, entre indústrias e fornecedores de serviço.

Segundo o diretor, o número de pequenas empresas vem crescendo no município. “Com a crise prolongada muitos trabalhadores perderam o emprego e montaram sua própria empresa”. Ele destaca a força dos micro e pequenos empreendedores. “Foram elas que sustentaram o maior número de empregos durante a crise”.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!