Lulu Benencase recebe adaptação de obra espírita

'Do Abismo às Estrelas', adaptação de obra psicografada por Divaldo Pereira Franco, aborda temas delicados, como o aborto e a eutanásia


Foto: Divulgação
O livre-arbítrio é um dos pontos-chave da peça, segundo a produtora

Americana recebe neste domingo, a partir das 19h, o espetáculo “Do Abismo às Estrelas”, primeira peça profissional adaptada de uma obra psicografada pelo médium Divaldo Pereira Franco. A apresentação única acontece no Teatro Municipal Lulu Benencase e aborda temas como a prática do aborto e da eutanásia, além de fazer questionamentos em torno dos problemas da vida, como ética, livre-arbítrio e relacionamentos humanos.

A adaptação do romance, atribuído ao escritor francês Victor Hugo, apresenta a história de uma jovem médica, Suzette Sara, em dois momentos de sua vida: ainda jovem, por volta dos anos 1920, e mais velha, 20 anos depois. Ela sofre as perdas do pai, pelo antissemitismo, da mãe, que enlouqueceu ao não suportar perder o marido e da condição social elevada, e de suas duas irmãs pequenas, para uma epidemia de gripe.

“Suzette é uma mulher comum, uma médica que atende tanto os mais pobres quanto os mais ricos franceses. No entanto, como tantas histórias reais, ela sofre perdas típicas da vivência humana e os horrores da guerra, o que acaba por transformar a sua vida”, apontou Maritta Cury produtora e atriz do espetáculo. “Daquela jovem doce, ela acaba se tornando alguém mais dura, mais traumatizada com a vida”.

O livre-arbítrio é um dos pontos-chave da peça, segundo a produtora. “Essas escolhas de vida dela acabam a levar essa médica a praticar atos que antes ela condenava, como abortos, por exemplo”, apontou.

Tema tabu na sociedade francesa da década de 1920, o aborto ainda é um assunto polêmico no Brasil de 2019, mas, para Maritta, o espetáculo não apresenta ideologias, apenas escolhas e consequências. “Embora a peça tenha essa visão mais pró-vida, em nenhum momento ela prega o que o espectador deve ou não fazer, é um espetáculo que vem para trazer discussões, questionamentos”.

Com texto de Lurimar Vianna e direção de Renato Scarpin, “Do Abismo às Estrelas” também traz no elenco os atores Carô Carvalho, Cláudia Gianini, Débora Munhyz, Fernanda Guerra, Hudsonn Moreira e Vandir Pereira. Divaldo Pereira Franco, que publicou a obra que originou o espetáculo em 1974, participa da peça com sua voz em off fazendo parte do enredo, em gravação exclusiva para o espetáculo, que faz homenagem ao médium.

“Do Abismo às Estrelas” estreou em 7 de abril em São Paulo e ficou quatro meses em cartaz na capital paulista e, agora, inicia sua turnê pelas cidades do Estado.

Acontece. A peça “Do Abismo às Estrelas” será encenada neste domingo, dia 22, a partir das 19h. Os ingressos variam de R$ 25 a R$ 50. O Teatro Municipal Lulu Benencase fica na Rua Gonçalves Dias, 696, no Jardim Girassol. Informações pelo telefone 3461-3045 ou tudus.com.br.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora