Santa Bárbara é confirmada na Virada Cultural Paulista

Evento ocorre nos dias 24 e 25 de novembro com atrações que ainda vão ser divulgadas


O Governo do Estado de São Paulo confirmou a realização da Virada Cultural Paulista em Santa Bárbara d’Oeste nos dias 24 e 25 de novembro. O município será o único da RPT (Região do Polo Têxtil) a receber o evento neste ano. Da RMC (Região Metropolitana de Campinas), também receberão atrações Indaiatuba e Pedreira. Segundo a Prefeitura de Santa Bárbara, como todo ano, a programação contará com atrações e artistas de reconhecimento nacional e também regional, além da valorização dos artistas locais. As atrações serão divulgadas em breve pela organização do evento.

Além de música, a expressão artística mais tradicional do evento, a Virada terá também apresentações de coletivos artísticos, grupos de cultura tradicional e novas estrelas. No ano passado a Virada barbarense fechou com público estimado de 84.100 pessoas. Com maior participação dos artistas barbarenses, o evento reuniu 50 atrações artísticas, entre eles, os de renome nacional Lenine, A Banda Mais Bonita da Cidade, Rael e Marina Lima.

Foto: Prefeitura de Santa Bárbara / Divulgação
Lenine foi uma das atrações da Virada Cultural Paulista de Santa Bárbara d´Oeste no final do ano passado

A 12ª Virada Cultural Paulista ampliou de 22 para 34 a quantidade dos municípios participantes e anuncia a modalidade “Palco Experimente SP”, idealizados especialmente para apresentações inovadoras de dança, vídeo mapping, artes integradas, DJs, coletivos artísticos, grupos de cultura tradicional e novas estrelas desses municípios. “O objetivo do palco Experimente SP é difundir as artes e coletivos urbanos das mais variadas linguagens culturais, como coletivos artísticos, grupos de cultura tradicional, enfim, novas experiências culturais e sensoriais”, aponta a secretaria do Estado.

A programação estadual vai de 3 de novembro a 9 de dezembro, durante seis finais de semana consecutivos. Integram o circuito desta edição: Andradina, Assis, Bauru, Birigui, Botucatu, Cananéia, Casa Branca, Cerquilho, Dracena, Franca, Garça, Guarulhos, Ibitinga, Iguape, Ilha Solteira, Indaiatuba, Itapetininga, Joanópolis, Limeira, Marília, Mogi das Cruzes, Olímpia, Pedreira, Registro, Santa Bárbara D’Oeste, Santos, São Caetano do Sul, São Carlos, São Sebastião, São Vicente, Sertãozinho, Sorocaba, Taubaté e Votuporanga.

NÚMEROS

Criada em 2007 pelo Governo do Estado de São Paulo, a Virada Cultural Paulista recebeu até 2017 ao menos 11 milhões de espectadores e 7 mil espetáculos. Toda a programação da Virada é gratuita e é confirmada em etapas, tanto as datas de realização como as atrações programadas. O acompanhamento deve ser feito pelos sites www.cultura.sp.gov.br e www.omelhordaculturasp.com.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!