Violeiros e Banda Municipal fazem parceria inédita

Grupos apresentam clássicos do sertanejo raiz nesta quinta-feira, em um concerto gratuito no Teatro Municipal de Americana


Fusões de gêneros vêm dando a tônica de apresentações recentes da Banda Municipal Monsenhor Nazareno Maggi, de Americana, com outros grupos e artistas. O repertório já variou da música tradicional italiana até o jazz e o rock. E, dentro dessa proposta, a corporação se une pela primeira vez à Orquestra de Violeiros de Americana, nesta quinta-feira, em um concerto gratuito. 

Sob a regência dos maestros Jair dos Santos, da Banda Municipal, e Bruno Paparotti, da Orquestra de Violeiros, a apresentação “Clássicos do Sertanejo” reúne canções representativas do sertanejo raiz, entre eles “Pagode em Brasília”, “Chico Mineiro”, “O Menino da Porteira”, “Moreninha Linda”, “Saudade de Minha Terra” e “Sessenta Dias Apaixonado”.  

Foto: Divulgação
Orquestra de Violas de Americana se junta a Banda Municipal em repertório cheio de “modões”

“São músicas consagradas no começo dos anos 1960, 1970, que é quando o sertanejo raiz mais se destacou. A gente já tinha um repertório de várias músicas e a banda também já toca algumas coisas do sertanejo raiz. Então, a gente juntou o que a gente já toca e o maestro fez os arranjos”, conta Bruno.

Ele explica que a parceria se deu a convite da Sectur (Secretaria de Cultura e Turismo). “Vejo de uma maneira muito positiva a gente misturar coisas diferentes, que é o caso da Orquestra de Violeiros, que é um estilo de sertanejo raiz, e a Banda Municipal, que é um pessoal que toca de tudo, um pessoal extremamente e competente naquilo que faz. Vai ser um desafio pra nós colocar viola junto com a Banda Municipal. Tenho certeza que vai ser uma coisa muito bacana”, completa o violeiro.

Fundada em junho de 2010, a orquestra de violeiros reúne 20 músicos. “Uma marca da Orquestra de Americana é que a viola é ponteada juntamente com o som do berrante”, conta o regente do grupo, que já se apresentou por várias cidades da região e do Estado de São Paulo, entre elas Campinas, Sumaré, Nova Europa, Brotas, Suzanápolis e Santa Fé do Sul, onde haviam mais de quatro mil pessoas presentes. Em projetos culturais públicos, ainda esteve na Virada Cultural Paulista e na Revirada Cultural.

Entre os diferentes estilos explorados recentemente pelo grupo, está um repertório de big bands norte-americanas no Juca Jazz Festival deste ano, participação em um concerto voltado à cultura italiana, em junho, e um show interpretando clássicos do rock com a Banda Relíquia, em 2018.

ACONTECE: O concerto “Clássicos do Sertanejo” será apresentado nesta quinta-feira, a partir das 20h, no Teatro Municipal Lulu Benencase (Rua Gonçalves Dias, 696, no Jardim Girassol). A entrada é gratuita e não é necessária a retirada de ingressos com antecedência.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora