Feca chega a 35ª edição tendo o Civi como palco

Festival Estudantil da Canção acontece nos dias 7 e 8 de dezembro; shows da Hateen e Black Days estão em negociação


Foto: Natália Moraes / Divulgação
Festival já trouxe grandes atrações musicais para a cidade de Americana nas últimas três décadas

O Feca (Festival Estudantil da Canção de Americana) confirmou para os dias 7 e 8 de dezembro a realização da sua 35ª edição, que neste ano vai ocorrer no Civi (Centro de Integração e Valorização do Idoso). As inscrições para as bandas interessadas em participar podem ser realizadas a partir desta quinta-feira, clicando aqui. Elas seguem até o dia 15 de novembro.

Segundo seu idealizador e organizador, Geraldo Basanella, a ideia inicial é criar uma programação com 24 bandas, mas esse número pode variar. A condição para participar do festival é a apresentação de composição autoral. Os vencedores terão direito a gravar uma música no Pepper Studio, do músico Rodrigo Barros, que vai coordenador o júri do evento.

“A intenção é disponibilizar 45 minutos para quem tem repertório. Até três músicas [autorais] podem ser inscritas. Toca duas ou três e depois pode preencher com outras músicas da preferência dele. Mas autoral tem que ter”, explica Geraldo.

O festival aceita músicos de variados estilos, seja rock, MPB ou rap, por exemplo, de acordo com o organizador.

No sábado, o festival vai começar por volta das 14h e, no domingo, às 11h. Haverá espaço para food trucks e o valor de entrada ainda será definido, mas deve variar entre R$ 10 e R$ 15, ainda conforme adianta o idealizador do evento.

O festival tem parceria com o Fundo Social de Solidariedade de Americana, para o qual vai realizar a doação de fraldas geriátricas.

Conscientização

De acordo com Geraldo, os objetivos seguem os mesmos. “É a integração dos estudantes e autores independentes através da música. Na minha opinião, acho que a música é um grande ingrediente de inserção social e valorização da pessoa”, avalia o organizador.

Pelo Feca já passaram bandas de destaque no cenário nacional, como Sepultura, Pitty, Raimundos, Ira, Tihuana, CPM 22, Detonautas, Dead Fish, Gloria e Vivendo do Ócio.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora